'A segunda pior notícia da minha carreira': Bruno Henrique recebe apoio de companheiros de Flamengo
Lance!
'A segunda pior notícia da minha carreira': Bruno Henrique recebe apoio de companheiros de Flamengo


Os exames feitos na segunda-feira confirmaram a gravidade da lesão no joelho direito e Bruno Henrique ficará afastado dos jogos por até 12 meses, informou o Flamengo . Após a confirmação de que passará por procedimento cirúrgico no local, o atacante rubro-negro afirmou estar muito triste, mas seguirá "firme e forte" em sua recuperação.

+ Com Isla, barca do Flamengo chega a 18 nomes em 2022; veja a lista

- Hoje (segunda) realizei novamente exame no joelho e recebi a segunda pior notícia da minha carreira, nunca imaginei que um dia iria ter que passar por esse momento difícil, mas sei que na carreira de um atleta isso pode acontecer - escreveu BH27, completando:

- Precisarei passar por essa cirurgia e ficarei por um longo período fora dos gramados sem fazer o que eu mais amo. Muito triste por esse momento, mas com fé em Deus vou superar mais essa. Seguirei firme e forte na minha recuperação, para que aquele menino sonhador, que sempre acreditou nos seus sonhos, possa chegar aonde quer chegar.

Após a publicação, Bruno Henrique recebeu mensagens de apoio de muitos torcedores, mas também de companheiros de clube, como Thiago Maia, Matheuzinho e Arrascaeta. O meia uruguaio escreveu:

- Vamo, BH, vai da certo. Já já vai tá de volta, amigo - disse Arrasca.

Dedé, hoje no Athletico, Ricardo Oliveira, ex-Santos e São Paulo, Gabriel Batista Lincoln, Pedro Rocha, Berrío e César, ex-Flamengo, e Dodô, do Atlético-MG, foram alguns dos companheiros que desejaram boa recuperação ao atacante nas redes sociais.

Preparador físico da comissão técnica de Paulo Sousa, Lluis Sala também manifestou solidariedade ao camisa 27 do Rubro-Negro.

- Você não merecia isso, meu amigo. Desejo que tenha uma boa recuperação. Você vai voltar ainda mais forte - publicou Lluis Sala.

Bruno Henrique não deixou claro qual seria "a pior notícia que já recebeu" em sua carreira. Antes da lesão no joelho direito, o atacante, contudo, encarou outro delicado problema de saúde, em 2018. Como jogador do Santos, o camisa 27 sofreu cinco lesões no olho direito, por conta de uma bolada no rosto, e correu o risco de não poder mais atuar. A recuperação, contudo, foi plena.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários