São Paulo empata com Coritiba e perde a chance de encostar nos líderes do Brasileirão
Lance!
São Paulo empata com Coritiba e perde a chance de encostar nos líderes do Brasileirão


O São Paulo empatou com o Coritiba por 1 a 1, na noite desta quinta-feira (09), no Couto Pereira, pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro . Calleri colocou o Tricolor em vantagem, enquanto Alef Manga fez para o Coxa.

Com o resultado, o Tricolor ficou na 6ª colocação da competição, com 15 pontos conquistados. Já o Coritiba está na 5ª posição, com os mesmos 15 pontos.

> Veja a tabela do Brasileirão e simule os próximos jogos

SÃO PAULO COMEÇA BEM E ABRE O PLACAR COM CALLERI
A partida começou com o São Paulo tendo a posse de bola e buscando o ataque. Com isso, já abriu o placar logo aos três minutos. Reinaldo recebeu na esquerda, cruzou rasteiro e Calleri deu um carrinho entre os zagueiros, antecipando Muralha para abrir o placar.

O Coritiba tentou assustar aos 14 minutos. Martinez arriscou de fora da área e mandou por cima da meta defendida por Jandrei.

TRICOLOR CONTINUA MELHOR E QUASE AMPLIA
Mesmo com o gol marcado, o São Paulo não diminuiu o ritmo e continuou tendo chances. Com o Coritiba tendo dificuldades na armação, o Tricolor aproveitava.

Aos 26, Igor Gomes rolou a bola para Luciano em jogada ensaiada e o atacante soltou uma pancada. Muralha se esticou para fazer grande defesa. Dois minutos depois, Luciano recebeu na entrada da área, dominou e finalizou. A bola desviou e foi para fora.

LUCIANO PERDE BOA CHANCE PARA O SÃO PAULO
Conforme a primeira etapa ia sendo jogada, tanto o São Paulo quanto o Coritiba perderam o bom ritmo do começo da partida e o jogo perdeu em emoções.

Coube a Luciano ter a última chance do primeiro tempo. Com 44, o camisa 11 recebeu livre, dentro da pequena área, e cabeceou fraco. A zaga conseguiu tirar em cima da linha.

2º TEMPO COMEÇA COM CORITIBA EMPATANDO O JOGO
O segundo tempo iniciou com o Coritiba tentando mais ofensividade, com as entradas de Robinho e Clayton. Com menos de um minuto, Alef Manga bateu de fora da área e a bola passou ao lado da meta do São Paulo. Com nove minutos, o atacante teve outra oportunidade, mas chutou novamente para fora.

Até de tanto insistir, Alef Manga empatou aos 13 minutos. Biro cobrou falta com força, a bola explodiu na defesa do São Paulo e voltou nos pés do atacante, que bateu no canto para marcar.

APÓS LEVAR O EMPATE, SÃO PAULO CRESCE NO JOGO
Com o gol sofrido, o São Paulo acordou no segundo tempo e começou a criar oportunidades. Com 20 minutos, Calleri recebeu dentro da área, ajeitou para a perna direita e bateu colocado. A bola passou perto da trave esquerda de Muralha.

Um minuto depois, Patrick, que havia acabado de entrar, puxou contra-ataque e conseguiu cruzamento. Luciano dividiu a bola com Muralha e o goleiro levou a melhor.

RETA FINAL TEM CHANCES PARA OS DOIS LADOS
Buscando a vitória, tanto o Coritiba quanto o São Paulo tiveram lances perigosos. Aos 39, Welington fez boa jogada pela lateral esquerda, invadiu a área, e bateu cruzado, para boa defesa de Alex Muralha.

Já aos 46, Robinho bateu falta para dentro da área e Jandrei saiu do gol para fazer a defesa.

Fim de jogo no Couto Pereira.

FICHA TÉCNICA
CORITIBA 1 X 1 SÃO PAULO
Local:
Estádio Couto Pereira, Curitiba (PR)
Data e hora: 09 de junho de 2022, às 20h
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães (RJ)
Assistentes: Thiago Henrique Neto Correa Farinha (RJ) e Thiago Rosa de Oliveira (RJ)
Árbitro de vídeo: Daniel Nobre Bins (RS)
Cartões Amarelos: Adrián Martínez, Alef Manga, Igor Paixão (COR), Diego Costa, Igor Gomes, Eder (SAO)
Cartões Vermelhos:
Gols: Calleri (03'/1ºT) (0-1), Alef Manga (13'/2ºT) (1-1)

CORITIBA
​​Alex Muralha; Natanael, Henrique, Luciano Castán e Guilherme Biro; Val (Robinho/Intervalo), Bernardo (Galarza, aos 30'/2ºT) e Thonny Anderson (Clayton/Intervalo); Igor Paixão, Adrián Martínez (Neílton, aos 30'/2ºT) e Alef Manga (Fabrício, aos 44'/2ºT). Técnico: Gustavo Morínigo.

SÃO PAULO
Jandrei, Rafinha, Diego Costa, Miranda e Léo; Rafinha, Luan (Patrick, aos 20'/2ºT), Nestor, Igor Gomes e Reinaldo (Welington, aos 31'/2ºT); Luciano (Eder, aos 31'/2ºT) e Calleri. Técnico: Rogério Ceni.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários