Santos formaliza inventário e valor estimado do acervo é milionário
LANCE!/DIARIO DO PEIXE
Santos formaliza inventário e valor estimado do acervo é milionário


Dono de uma das mais belas histórias do futebol mundial, o Santos fez a catalogação do rico acervo de objetos do Museu, formalizando o atual inventário de bens com a finalidade de preservação de domínio. FC abriga os seus troféus e seus grandes feitos no Memorial das Conquistas, localizado na Vila Belmiro. Todos os bens para fins comerciais e outros interesses foram avaliados em R$ 250.000.000,00 (duzentos e cinquenta milhões de reais), formando um conjunto de 441 itens.

- Esse inventário demonstra a nossa proposta de preservar todo o patrimônio do Santos e garantir que todos tenham acesso sempre à trajetória tão rica do nosso time. Eu costumo dizer que o Santos é a história do futebol mundial. Sem dúvida, esse é mais um gol do Santos que fica de legado - afirma o presidente do Santos, Andres Rueda.

O presidente ressaltou ainda que nesse mesmo processo de manter a história do clube, todos os documentos do Conselho Deliberativo, Contabilidade, Jurídico e RH, bem como do Memorial das Conquistas estão sendo digitalizados.

- Já estamos quase na metade e assim vamos garantindo que tudo seja resguardado e fique disponível para gerações futuras - falou.

- A catalogação de um acervo garante a sua existência como um todo. Através dela, temos a identidade garantida de cada peça de um museu. Elas passam a ter uma ficha catalográfica, com a imagem, descrição, informações e observações sobre elas - disse o curador do Museu, Rogério Lopes Zilli.

Responsável pela catalogação das peças, Rogério também destacou a emoção de contribuir para esse grande projeto:

- Como profissional da área de museologia esportiva e como funcionário do Santos Futebol clube, foi um imenso prazer e orgulho realizar esse trabalho. Creio que contribui para que esse processo de catalogação fosse realizado com sucesso. Trabalhamos com a história e com a memória física, representada por todo esse rico e diverso acervo - concluiu.

- Motivo de um orgulho enorme ver a conclusão desse trabalho. Temos um dos museus mais lindos do Brasil e mais ricos em acervos. E depois de um período burocrático, é uma grande simbologia ter esse acervo homologado em cartório, deixando de ser apenas de fato e também sendo agora de direito. Os bens passam a ser registrados do Clube. É uma das conquistas que mais me sinto orgulhoso, e a nossa equipe do Museu é exemplo para todas as equipes de museus do Brasil - disse o head de produto do clube, Fábio Guerreiro.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários