Jovem faixa-roxa rouba a cena no Sul Americano de Jiu-Jitsu da CBJJE
TATAME
Jovem faixa-roxa rouba a cena no Sul Americano de Jiu-Jitsu da CBJJE


Realizado no último fim de semana (dias 30 de abril e 1º de maio), no Ginásio Mauro Pinheiro, em Ibirapuera (SP), o Campeonato Sul Americano de Jiu-Jitsu – Gi & No-Gi – da CBJJE reuniu alguns dos melhores atletas do país e, entre as equipes, teve o destaque da PSLPB Cícero Costha, grande campeã geral Gi e No-Gi. Com o quimono, a NS Brotherhood veio em segundo lugar e a Alliance em terceiro. Já sem o quimono, Gracie Barra e Alliance completaram o pódio.

Entre os atletas, no masculino adulto faixa-preta – com pano -, Reyson Neves Lima, da NS Brotherhood, brilhou, faturando o ouro absoluto e a prata no meio-pesado após fechar a final com seu companheiro de equipe, Vital Neto. No master 1+2, Fernando Paulino (Lotus Club) ficou com o título do peso aberto, enquanto Fernando Estefam Brito (NS Brotherhood) subiu ao topo do pódio no master 3+4.

Nas disputas No-Gi do Sul Americano de Jiu-Jitsu, o faixa-preta Leonardo Gonçalves (Gracie Barra) venceu o absoluto – e o super-pesado – no adulto, assim como Advilson Pereira (G13) no master 1+2 e Fernando Estefam Brito (NS Brotherhood) no master 3+4.

Confira AQUI os resultados completos

No feminino, o brilho foi todo da jovem Maca Vicentini, da equipe Barbosa Jiu-Jitsu. De volta às competições após um ano afastada e oito meses pós-cirurgia, Maca conquistou o ouro duplo na faixa-roxa com quimono, finalizando suas cinco lutas, e voltou para casa com o prêmio em dinheiro. Em entrevista após o Sul Americano de Jiu-Jitsu, ela celebrou o retorno e citou sua inspiração no professor – e referência – Marco Barbosa.

- Para quem não sabe, eu operei o meu joelho no ano passado, ligamento cruzado anterior, em agosto, essa é a minha primeira competição depois da lesão, então eu estou muito feliz. Dei o meu melhor e o resultado foram cinco vitórias por finalização em cinco lutas no peso e absoluto - disse Maca, que ainda completou:

- O Barbosa é uma inspiração para mim, estar com ele todos os dias, e poder acompanhar ele no Arnold South America 2022 com meus amigos de treino foi bom demais - finalizou a jovem faixa-roxa sobre a presença em seminário do Barbosinha.

Passado o Sul Americano de Jiu-Jitsu, a próxima parada da CBJJE irá acontecer no dia 29 de maio, quando dois eventos prometem agitar São Paulo: a Copa Grandes Mestres e o International Master Premium, ambos com inscrições abertas ( veja ).

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários