Santos perde para o Coritiba no jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil
LANCE!/DIARIO DO PEIXE
Santos perde para o Coritiba no jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil


O Santos não fez um bom jogo, contou com diversas defesas do goleiro João Paulo, teve um pênalti claríssimo não marcado pelo árbitro e perdeu por 1 a 0 para o Coritiba na noite desta quarta-feira, no Estádio Couto Pereira, no jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil. O único gol do jogo foi marcado por Alef Manga.

Com a derrota, o Peixe vai precisar de uma vitória por dois gols de diferença no confronto de volta, dia 12 de maio, na Vila, para garantir a classificação para as oitavas de final. Se vencer por um gol de diferença a decisão vai para os pênaltis.

Antes do confronto, o Santos volta as atenções para o Campeonato Brasileiro. No domingo, a equipe comandada pelo técnico Fabián Bustos recebe o América-MG na Vila Belmiro.

O jogo

O primeiro tempo foi um massacre do Coritiba e um show do goleiro João Paulo, que fez alguns milagres. Os primeiros logo aos dois minutos, em chutes de Alef Manga de dentro da área e Guilherme Biro de fora.

A pressão continuou. Aos oito minutos, João Paulo fez milagre em chute cara a cara de Régis, aos 11 em chute de William, aos 20 em cabeçada de Régis.

De tanto insistir, o Coritiba abriu o placar. Aos 23 minutos, Alef Manga recebeu na direita e chutou na saída do goleiro do Peixe para marcar contra seu time do coração.

Depois do gol, o time da casa diminuiu o ritmo e o Santos teve mais espaço. Aos 28 minutos, Ângelo deu lindo passe para Madson, que foi derrubado na área: pênalti claro não marcado pelo árbitro Bruno Arleu de Araújo.

Ainda no primeiro tempo, aos 45 minutos, o Santos teve a finalização mais perigosa. Maicon cruzou da direita, Ricardo Goulart cabeceou e a bola passou raspando a trave esquerda de Alex Muralha.

O segundo tempo começou mais equilibrado, com o Coritiba esperando mais o Santos. O Peixe teve uma chance aos 14 minutos. Após confusão na área, Ricardo Goulart cabeceou e a bola passou raspando a trave. Um minuto depois, Andrey arriscou da entrada da área e João Paulo fez boa defesa.

Depois desses lances, o enredo do jogo foi o mesmo do segundo tempo do confronto de domingo, pelo Brasileirão. Muitas faltas, alguns cartões e pouco futebol. Assim como o Santos na Vila, o Coritiba conseguiu segurar a vitória.

FICHA TÉCNICA
CORITIBA 1 X 0 SANTOS

Data e hora
: 20 de abril de 2022, às 19h30
Local : Estádio Couto Pereira
Árbitro : Bruno Arleu de Araujo (RJ)
Assistentes : Rodrigo Figueiredo Henrique Correa (RJ) e Carlos Henrique Alves de Lima Filho (RJ)
Árbitro de vídeo : Não há.
Gols : Alef Manga, 23'/1ºT (1-0)
Cartões amarelos : Henrique, Alex Manga, Matheus Alexandre e William Farias (COR) e Maicon, Lucas Pires e Jhojan Julio (SAN)
Cartões vermelhos : Fabián Bustos (SAN)

CORITIBA : Alex Muralha; Matheus Alexandre, Henrique, Luciano Castán e Guilherme Biro; Willian Farias, Andrey e Régis (Robinho, aos 27/2ºT); Igor Paixão, Alef Manga (Guilhermo, aos 41'/2ºT) e Clayton (Adrián Martínez, aos 49'/2ºT). Técnico: Gustavo Morínigo

SANTOS : João Paulo, Madson, Maicon, Eduardo Bauermann e Lucas Pires; Willian Maranhão (Zanocelo, aos 26'/2ºT), Sandry (Rodrigo Fernández, aos 20'/2ºT) e Ricardo Goulart (Léo Baptistão, aos 20'/2ºT); Jhojan Julio, Ângelo (Marcos Leonardo, aos 26'/2ºT) e Angulo (Lucas Braga, aos 32'/2ºT). Técnico: Fabián Bustos

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários