Vai te pegar! Fred marca no fim, Fluminense vira e vence o Vila Nova na Copa do Brasil
Luiza Sá
Vai te pegar! Fred marca no fim, Fluminense vira e vence o Vila Nova na Copa do Brasil


Não faltou emoção no Maracanã. Seja porque o Fluminense conseguiu a terceira virada na temporada ao bater o Vila Nova por 3 a 2 no jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil. Ou porque Fred, enfim, marcou o primeiro gol na temporada ao definir o placar já aos 42 minutos do segundo tempo. Ou também pelo camisa 9 ter se tornado o maior artilheiro isolado da história da competição, deixando Romário para trás. Paulo Henrique Ganso e Germán Cano também contribuíram para o placar. Rafael Donato e Pablo Dyego fizeram para os goianos, que saíram na frente, mas sofreram o revés.

O confronto de volta entre as duas equipes acontece apenas no próximo dia 11, às 21h30, no Estádio Serra Dourada, em Goiânia . No próximo sábado, o Flu faz nova partida no Rio de Janeiro, recebendo o Internacional às 19h pela terceira rodada do Brasileirão. Já o Vila Nova enfrenta o Ituano no mesmo dia e horário pela Série B.

Veja a tabela da Copa do Brasil

RITMO LENTO

Com mudanças na formação para novamente poupar alguns de seus jogadores, o Fluminense teve problemas para encaixar o time e sofreu novamente com o deserto de ideias. Sem Paulo Henrique Ganso, no banco, Abel viu a equipe ficar com espaços no meio-campo e os homens de ataque terem dificuldades para se organizar. Jhon Arias armou pouco. Do outro lado, o Vila Nova estava confortável e criava algumas chances. Bem defensivamente, a estratégia era o contra-ataque.

NA FRENTE

A pressão ainda aumentou na reta final do primeiro tempo. Diante de um Fluminense previsível, o Vila Nova provocou duas grandes defesas do goleiro Fábio antes de, enfim, balançar a rede. Aos 37 minutos, após escanteio na área, Rafael Donato subiu mais que todo mundo e desviou de cabeça para abrir o placar no Maracanã. Os últimos instantes antes do intervalo foram de vaias nas arquibancadas e zero objetividade do Flu.

AMPLIOU

O Fluminense apostou nas entradas de Caio Paulista e Ganso nas vagas de Luiz Henrique e Jhon Arias para tentar melhorar a dinâmica. O time da casa até teve uma boa chance, mas o Vila Nova ampliou. Aos 11 minutos, Alex Silva recebeu a bola na direita, carregou com liberdade e invadiu a área, cruzando rasteiro para encontrar Pablo Dyego. Criado em Xerém, o atacante não comemorou.

MUDOU

A torcida já cantava "time sem vergonha" e "olé" quando o cenário mudou. Aos 16 minutos, Willian recebeu de Caio Paulista na esquerda, tentou um drible e foi derrubado. O árbitro marcou o pênalti, os jogadores do Vila Nova reclamaram bastante, mas Ganso foi para a cobrança e diminuiu para o Fluminense.

TUDO IGUAL

Abel logo chamou Fred e Marlon e no primeiro lance o lateral-esquerdo, que estreou na temporada, já foi decisivo. Aos 26 minutos, ele cruzou pela esquerda, Fred não conseguiu desviar, mas a bola encontrou Germán Cano, que empurrou para o fundo do gol. O Fluminense empatou a partida e deu esperanças para a reta final.

VAI TE PEGAR!

Nos minutos finais, o Fluminense aproveitou o embalo para tentar pressionar, enquanto o Vila Nova tentava se fechar e controlar a partida para não sofrer a virada. E depois de muito sofrimento, seja no jogo ou na temporada, Fred marcou pela primeira vez em 2022 e se tornou o maior artilheiro isolado da Copa do Brasil. Aos 42, após jogada de Nino, Notato recebeu e enfiou a bola para o camisa 9 bater de primeira e marcar o gol da virada.

FICHA TÉCNICA
FLUMINENSE 3x2 VILA NOVA

Data/Hora:
19/04/2022, às 21h30
Local: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Rodolpho Toski Marques (PR)
Assistentes: Ivan Carlos Bohn e Rafael Trombeta (PR)

Gols: Rafael Donato (37'/1ºT) (0-1), Pablo Dyego (11'/2ºT) (0-2), Ganso (21'/2ºT) (1-2), Cano (26'/2ºT) (2-2), Fred (42'/2ºT) (3-2)
Cartões amarelos: Nino, Ganso (FLU), Victor Andrade, Rafael Donato, Georgemy, Arthur Rezende (VNO)
Cartões vermelhos: -

FLUMINENSE: Fábio; Samuel Xavier, Nino, David Braz e Pineida (Marlon - 25'/2ºT); André, Yago Felipe (Nonato - 25'/1ºT), Jhon Arias (Caio Paulista - intervalo); Luiz Henrique (Ganso - intervalo), Willian Bigode (Fred - 25'/2ºT) e Germán Cano. Técnico: Abel Braga.

VILA NOVA: Georgemy; Alex Silva, Rafael Donato, Renato, Willian Formiga; Ralf, Arthur Rezende, Wagner (Pablo - 25'/2ºT); Matheuzinho (Rubens - 39'/2ºT), Victor Andrade (Diogo Tavares - 13'/2ºT) e Pablo Dyego (Jean Silva - 39'/2ºT). Técnico: Higo Magalhães.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários