Com um a menos, RB Bragantino segura o Vélez e garante empate na Argentina pela Libertadores
Futebol Latino
Com um a menos, RB Bragantino segura o Vélez e garante empate na Argentina pela Libertadores


No estádio José Amalfitani, em Buenos Aires, Vélez Sarsfield e Red Bull Bragantino fizeram um jogo movimentado pela segunda rodada do Grupo C da Libertadores . O empate em 2 a 2 acabou sendo melhor para a equipe brasileira, que jogou boa parte do 2º tempo com um jogador a menos após a expulsão do lateral Aderlan. Ytalo abriu o placar para o Massa Bruta, mas De Los Santos e Natan, contra, colocaram o Fortin em vantagem. Ytalo voltou a marcar e garantiu um ponto para o Braga.

Com o resultado, a equipe do técnico Maurício Barbieri fica na vice-liderança do grupo, atrás do Estudiantes-ARG devido ao saldo de gols. Já o Vélez é o lanterna com um ponto, assim como o Nacional-URU.

JOGO COMEÇA A MIL POR HORA
A bola mal tinha começado a rolar e o Red Bull Bragantino já inaugurou o placar. Pelo lado direito, Aderlan cruzou e Ytalo surgiu muito bem posicionado para marcar o gol relâmpago do Massa Bruta: 1 a 0 com apenas um minuto de jogo.

Só que a equipe brasileira não conseguiu sustentar por muito tempo a vantagem. Aos 7 minutos, Orellano levantou a bola na área, De Los Santos foi mais esperto que todo mundo e colocou a bola para dentro, para explosão da torcida nas arquibancadas do estádio José Amalfitani: 1 a 1.

ARGENTINOS CRESCEM NO JOGO
O Red Bull Bragantino sentiu o gol e começou a cometer repetidos erros, principalmente nas saídas de bola. O time do Vélez Sarsfield se aproveitou do momento de instabilidade dos brasileiros e criou várias oportunidades para marcar.

HYORAN CRIA CHANCE, MAS QUEM ASSUSTA É O VÉLEZ
Ainda no primeiro tempo, a única oportunidade para marcar do Red Bull Bragantino após o gol veio com Hyoran, que tentou surpreender o goleiro do Fortin, mas não obteve sucesso. Já o Vélez continuou melhor e enfileirou oportunidades perigosas com Pratto, Orellano e Janson, mas sem conseguir balanças as redes.

VIRADA DO VÉLEZ
Assim como teve o gol relâmpago do Red Bull Bragantino na etapa inicial, o Vélez também fez o seu no 2º tempo. Após cruzamento na área, Cleiton saiu mal, a bola bateu em Natan e entrou. Gol contra e virada dos donos da casa: 2 a 1.

RED BULL BRAGANTINO PARTE PARA CIMA E EMPATA
O Massa Bruta foi para cima do Fortin em busca do empate, enquanto os argentinos faziam de tudo para segurar a vantagem no placar. Só que aos 17 minutos, após bola levantada na área, Ytalo subiu mais que todo mundo e cabeceou para igualar o marcador: 2 a 2.

EXPULSÃO DE ADERLAN
O gol de empate poderia fazer o Red Bull Bragantino crescer no jogo e buscar a virada, só que as coisas ficaram complicadas para os brasileiros aos 21 minutos. Aderlan fez falta em Bouzat e acabou expulso.

VÉLEZ NO ABAFA, MAS BRAGA SEGURA O EMPATE
Com um a mais em campo, o Vélez passou a martelar no ataque em busca do gol da vitória. Foram várias oportunidades criadas, mas o goleiro Cleiton e os defensores do Red Bull Bragantino conseguiram suportar a pressão dos argentinos e garantir um ponto precioso fora de casa.

PRÓXIMOS JOGOS
O Bragantino volta a campo pela Libertadores no próximo dia 26 de abril, quando visita o Estudiantes-ARG. Já o Vélez recebe o Nacional-URU, também no dia 26.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários