Racing domina Cuiabá e vence a segunda consecutiva na Sul-Americana
Futebol Latino
Racing domina Cuiabá e vence a segunda consecutiva na Sul-Americana


Em atuação bastante impositiva, o Racing ganhou por 2 a 0 do Cuiabá pela Sul-Americana nesta quarta-feira (13), em Avellaneda, naquele que foi o primeiro confronto da história do Dourado fora do território brasileiro.

Com o triunfo convincente da equipe de Avellaneda, a equipe vai aos seus pontos e lidera isolada o Grupo B onde Cuiabá e Melgar tem três pontos. O River Plate-URU, por sua vez, é o lanterna, sem nenhum ponto conquistado após duas rodadas.

>Prêmio aponta as maiores joias do futebol mundial; confira os nomes

ARGENTINOS EM CIMA

Além do bom trabalho na troca de passes onde conseguia reter a bola e procurava os espaços no sistema defensivo da equipe brasileira, a Academia explorava bastante os lados de campo e ia fazendo o goleiro João Carlos se tornar figura importante na partida. E, de tanto exercer a pressão, os donos da casa conseguiram o objetivo com Javier Correa. Em bola que já tinha sido afastada pela defensiva do Cuiabá em toque de João Carlos, ela voltou para o lado direito da grande área com Domínguez cruzando e o camisa 27 testando no contrapé do arqueiro brasileiro, sem qualquer possibilidade de defesa.

DO OUTRO LADO, SEM AÇÃO

Em meio a pressão exercida por parte do Racing, o time do Centro-Oeste pouco conseguia fazer para reagir, em muito, por não conseguir sair das linhas de marcação muito altas e compactas do seu adversário. Dessa forma, o goleiro Gastón Gómez pareceu mais um espectador do que figura atuante na partida, não sendo exigido de maneira considerável em toda a etapa inicial.

MAIS DO MESMO

Na volta para o segundo tempo, não houve qualquer mudança no que o panorama do confronto demonstrava. Enquanto o Racing exercia pressão e variava as jogadas, envolvendo com certa facilidade o sistema defensivo cuiabano, a equipe brasileira se limitava a fechar os espaços atrás e, sem conseguir sair na base da velocidade e organização para os contra-ataques, não incomodava o sistema defensivo dos anfitriões. Com tamanha dominância, a ampliação do marcador veio em lance de grande visão por parte de Alcaraz.

Em cobrança de falta, o meio-campista viu João Carlos deslocado e mandou no extremo canto esquerdo onde, mesmo não batendo com tanta força, teve tamanha precisão que o camisa 1 não chegou a tempo de defender, 2 a 0.

REAÇÃO TARDIA

Já na reta final do confronto, o Dourado chegou a viver momentos onde conseguiu reter a posse de bola no plano ofensivo e chegou a balançar as redes com Felipe Marques. Porém, o tento foi anulado com a marcação de impedimento e o confronto não apresentou nova alteração no marcador do El Cilindro.

FICHA TÉCNICA DA PARTIDA
​RACING x CUIABÁ

Local: El Cilindro, em Avellaneda (ARG)
Data e hora: 13/04/2022 - 19h15 (de Brasília)
Árbitro: Mario Díaz de Vivar (PAR)
Assistentes: Milcíades Saldívar e Eduardo Britos (ambos PAR)
​Cartões amarelos: -
Cartões vermelhos: -

GOLS: Javier Correa (25'/1°T) (1-0), Alcaraz (19'/2°T) (2-0)

RACING (Técnico: Fernando Gago)

Gastón Gómez; Mura (Pillud, aos 25'/2°T), Sigali (Nery Domínguez, aos 21'/2°T), Insúa e Piovi; Moreno, Leonel Miranda (Jonatan Gómez, aos 26'/2°T), Alcaraz (Mena, aos 25'/2°T) e Fabricio Domínguez; Javier Correa (Cardona, aos 20'/2°T) e Hauche.

CUIABÁ (Técnico: Pintado)

João Carlos; João Lucas, Alan Empereur, Marllon e Igor Cariús; Rafael Gava (Valdívia, aos 15'/2°T), Marcão Silva, Felipe Marques (Alesson, aos 27'/2°T) e Rodriguinho (Pepê, no intervalo); André Luis (Everton, aos 21'/2°T) e André (Elton, aos 14'/2°T).

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários