Raphael Veiga marcou golaço na última terça, no Allianz Parque
Foto: Cesar Greco/Palmeiras
Raphael Veiga marcou golaço na última terça, no Allianz Parque


O Palmeiras ainda vive o rescaldo da  goleada por 8 a 1 sobre o Independiente Petrolero-BOL, na última terça-feira, no Allianz Parque. E a repercussão do resultado segue rodando o mundo. Nesta quarta foi a vez do perfil oficial da Fifa no Twitter se render ao golaço de Raphael Veiga, o primeiro deles, o qual ela inclusive cogita que pode ser candidato ao próximo Prêmio Puskas.

Veja abaixo galeria de fotos de Raphael Veiga:


Leia Também

Veiga, que entrou no segundo tempo da partida, marcou os dois últimos gols da enorme goleada palmeirense, ou seja, quando suas bolas balançaram a rede adversária, o placar já marcava 6 a 1. No entanto, ele não passou despercebido, anotando duas pinturas, das mais bonitas da história do Allianz Parque.

A primeira delas, porém, foi a mais bonita. O camisa 23 aproveitou cobrança de escanteio ensaiada de Gabriel Menino, e pegou de primeira de fora área e acertou o ângulo do goleiro Arancibia. Um chute de rara felicidade, que levou o auxiliar João Martins a colocar as duas mãos na cabeça, tamanha a incredulidade. Não é à toa que a Fifa repercutiu o lance em suas redes sociais.

Nesta quarta-feira, a entidade usou seu perfil no Twitter para compartilhar o vídeo do gol de Veiga, com uma legenda que diz que o lance foi de treino, ou seja, ensaiado. Mas o principal detalhe dessas palavras publicadas foi a reflexão se esse tento poderia entrar na lista do próximo Prêmio Puskas, oferecido pela própria Fifa, que coloca em votação os gols mais bonitos do ano/temporada.

Nos comentários, os perfis oficiais do Paulistão e do Brasileirão interagiram com o post, além de, é claro, os torcedores rivais, que negaram a possibilidade, e os torcedores palmeirenses, que apoiaram a ideia de ver o gol de seu meia entre os mais bonitos do mundo neste momento. A próxima premiação da Fifa deve ser em janeiro de 2023, mas a lista do Puskas será divulgada antes disso.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários