Piloto russo se desculpa por gesto nazista em pódio: 'Pronto para receber as punições'
Lance!
Piloto russo se desculpa por gesto nazista em pódio: 'Pronto para receber as punições'


Dois dias após viralizar com um gesto nazista ao vencer uma corrida de kart em Portugal, o piloto russo Artem Severiukhin veio à público se desculpar. Quase chorando, o garoto de 15 anos fez um vídeo nas redes sociais, onde explicou que o gesto foi mal interpretado e condenou o regime alemão de Adolf Hitler.

+ Neto diz que perdeu admiração por Cristiano Ronaldo: 'Vagabundo, safado, você é um m...'

- Quero pedir desculpas a todos pelo que aconteceu durante a prova. No pódio, eu fiz um gesto que muitos interpretaram como uma saudação nazista, mas isso não é verdade. Eu nunca apoiei o nazismo e considero um dos piores crimes contra a humanidade - explicou o russo, antes de completar:

+ Piloto russo faz saudação nazista ao vencer corrida e FIA abre investigação sobre o caso

- Eu sei que fui muito tolo e estou pronto para receber as punições, mas acreditem em mim. Só queria fazer esse gesto e não sei explicar para vocês como ele nasceu - comentou Severiukhin. A Federação Internacional de Automobilismo está investigando o caso e pode punir o atleta em breve.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários