Atlético-MG fica
Valinor Conteúdo
Atlético-MG fica "na cola" de presidente da CBF para reconhecer troféu de 1937 como título Brasileiro


O Atlético-MG está esperando o presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues assinar o reconhecimento da conquista da Copa dos Campeões de 1937 como título Brasileiro e se tornar tricampeão da competição. Ednaldo estava viajando e o Galo reforçou as atenções ao dirigente, para que ele dê o parecer favorável ao clube mineiro.


O pedido do Galo deve ter uma resposta definida ainda este mês. O recohecimento se tornou uma jornada alvinegra para ter mais um título nacional confirmado na sua galeria de troféus.


A equipe alvinegra acionou a CBF para reconhecer o Torneio dos Campeões, disputado e vencido pelo time mineiro em 1937. A competição foi disputada pelo principais campeões estaduais daquele ano e foi o primeiro campeonato reconhecidamente de âmbito nacional.

A ação do clube alvinegro se baseia na lógica adotada pela CBF, que reconheceu os Torneios Roberto Gomes Pedrosa e Taça Brasil como títulos nacionais, o que aumentou o número de conquistas de várias equipes.

O Galo incrementou o seu dossiê com matérias de jornais da épcoa e tem aumentado a pesquisa relacionada ao período para convencer a CBF que é um título legítimo e com o mesmo peso do Brasileirão, tornando o time mineiro tricampeão nacional, tendo como base a unificação de conquistas feita pela entidade que reconhece a Taça Brasil, o Roberto Gomes PEdrosa (Robertão) como títulos Brasileiros.


-Já apresentamos à CBF, para que ela reconheça, como reconheceu os títulos dos outros clubes. Temos muita esperança que isso possa acontecer. Mas, depende da CBF. A parte que dependia do Atlético, foi feita, comprovando os jogos, as matérias que saíram na época em jornais, e tudo mais, Então, a CBF vai analisar, e estamos otimistas que isso possa vir a dar certo. Tendo a aprovação da CBF, nós vamos comemorar esse título, como os demais clubes que receberam, comemoraram também-disse o presidente do Galo, Sérgio Coelho, ao canal do Youtube do jornalista Breno Galante.

Disputaram o título do Torneio dos Campeões, os vencedores regionais de 1936, Fluminense, pelo Rio de Janeiro, Portuguesa, por São Paulo, e o Rio Branco, pelo Espírito Santo, foram os adversários do Galo, que teve quatro vitórias, um empate e uma derrota.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários