Piloto russo faz saudação nazista ao vencer corrida e FIA abre investigação sobre o caso
Lance!
Piloto russo faz saudação nazista ao vencer corrida e FIA abre investigação sobre o caso


Uma cena chamou atenção em uma corrida de Kart em Portugal. Após vencer a primeira etapa do Campeonato Europeu da categoria Junior, Artem Sveriukhin, de 15 anos, fez um gesto nazista para comemorar o feito. O caso gerou repercussão e a Federação Internacional de Automobilismo se manifestou.

+ Após hat-trick, Neymar joga CS:GO e ironiza com emoji de taça de vinho: 'Bêbado'

"A FIA confirma que lançou uma investigação imediata sobre a conduta inaceitável do senhor Artem Severiukhin, realizada na cerimônia do pódio da 1ª etapa de 2022 do campeonato europeu de kart, realizado em Portimão. A FIA comunicará em breve os próximos passos nesse caso", escreveu a federação.

+ Mãe de torcedor do Everton diz que Cristiano Ronaldo agrediu seu filho autista; polícia investiga o caso

Por conta das sanções impostas à Rússia referentes à guerra contra a Ucrânia, o país não pode ser representado no torneio. Com isso, o russo subiu ao pódio representando a Itália. O gesto foi criado por Benito Mussolini, líder fascista do país entre 1922 e 1943. Anos depois, Adolf Hitler também adotou o gesto.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários