UFC Vegas 45: Lewis aplica nocaute e brasileiras triunfam
TATAME
UFC Vegas 45: Lewis aplica nocaute e brasileiras triunfam


Para fechar o ano com chave de ouro, o UFC Vegas 45, que aconteceu na noite deste sábado (18), nas instalações da companhia em Las Vegas (EUA), foi eletrizante. Ao todo, das 13 lutas, apenas três foram parar nas mãos dos jurados. No main event, o peso-pesado Derrick Lewis mostrou o poder que tem nas mãos e interrompeu o hype de Chris Daukaus ainda no primeiro round.

Já no co-main event, Belal Muhammad teve amplo domínio sobre o experiente Stephen Thompson e venceu por decisão unânime. O lutador de origem árabe chegou ao sexto triunfo no peso-meio-médio, nas últimas sete apresentações – sendo que uma foi “No Contest” (sem resultado). O ex-desafiante ao cinturão, por sua vez, aparece com o segundo revés seguido.

O Brasil fechou o UFC Vegas 45, último card da temporada 2021, com 50% de aproveitamento. As lutadoras Amanda Lemos e Melissa Gatto mantiveram a boa fase e venceram no show. Já Raphael Assunção e Carlos Diego não tiveram o mesmo desempenho e terminaram nocauteados.

Derrick Lewis freia hype de Daukaus

Após um começo de round estudado, Derrick Lewis encurtou e passou a conectar os golpes com Chris Daukaus na grade. Daí em diante, só se viu o ex-desafiante ao cinturão colocando cruzados e diretos, sem o adversário demonstrar muita reação. A vitória foi então contabilizada. Lewis volta a vencer após derrota para Ciryl Gane em agosto. Já Daukaus perde a primeira no UFC.

Amanda Lemos vence luta parelha

Amanda Lemos tomou logo a iniciativa do confronto e protagonizou o grande momento do confronto com um chute frontal no rosto de Angela Hill. A americana caiu e a brasileira iniciou uma blitz, mas não capitalizou em nocaute. Na sequência do duelo, “Overkill” foi crescendo com bons golpes. Ela teve um volume considerável de ataques nos dois rounds seguintes.

A brasileira não ficou para trás e também contra-atacou com êxito, usando a qualidade do seu jogo em pé. No fim, por decisão dividida no UFC Vegas 45, Amanda Lemos ficou com a vitória e chega ao quinto triunfo seguido no peso-palha. Já Hill tem a segunda derrota consecutiva.

Assunção é nocauteado e fica ameaçado

Ricky Simón não demorou muito para impor o seu jogo contra Raphael Assunção no começo do primeiro assalto. O norte-americano encurtou a distância, derrubou o brasileiro e ficou trabalhando – mas sem tanto perigo – no chão. Já para o segundo round, os dois atletas estavam se testando na luta em pé, até Simón acertar um cruzado de direita espetacular que derrubou o brasileiro. Na sequência, o lutador ainda colocou mais golpes até o árbitro encerrar.

O peso-galo americano chega ao quatro triunfo seguido na companhia, enquanto o brasileiro conhece a quarta derrota seguida, podendo inclusive ser desligado da organização

Carlos Diego Ferreira sente a costela e perde

O primeiro round teve os dois lutadores atacando, mas também preocupados em não se expor muito, em combate no peso-leve do UFC Vegas 45. Mateusz Gamrot, no entanto, aplicou melhor o seu jogo. Já no segundo round, o brasileiro até voltou mais agressivo, tentando encurtar a distância para colocar a combinação de jab-direto. Contudo, Gamrot colocou Carlos Diego Ferreira na grade e encaixou uma joelhada certeira na costela do amazonense, que na hora sinalizou para o árbitro Jason Herzog que não tinha condições de seguir adiante na luta. Essa é a terceira derrota seguida do peso-leve brasileiro, que fica ameaçado na companhia. Já “Gamer”, após perder em sua estreia na franquia, coleciona o terceiro resultado positivo seguido.

Melissa Gatto nocauteia no card preliminar

Em sua segunda apresentação no Ultimate, a peso-mosca Melissa Gatto conquistou mais uma vitória dentro do UFC. A brasileira sofreu no primeiro round, com Sijara Eubanks dominando por cima no chão e trabalhando bastante golpes, embora a paulista tenha buscado a finalização.

Já no segundo assalto, Melissa Gatto se recuperou, colocou o seu bom jogo em ação e foi mais dominante. As duas trabalharam na luta agarrada, mas com a brasileira mostrando eficiência e perigo. No começo do terceiro round, a paulista acertou um chute no estômago da americana, que sentiu. Ela ainda conferiu mais alguns golpes até o árbitro Chris Tognoni encerrar. Gatto soma a segunda vitória na franquia, enquanto “Sarj” conhece o terceiro revés em quatro lutas.

Luta de Raoni é cancelada antes do evento

A luta envolvendo Raoni Barcelos acabou sendo retirada do card poucas horas antes. Adversário do peso-galo brasileiro, Victor Henry testou positivo para Covid-19 e precisou sair do show. A rumores é que o UFC remarque o duelo para o primeiro evento da companhia em 2022.

CONFIRA OS RESULTADOS:

UFC Vegas 45
UFC Apex, em Las Vegas (EUA)
Sábado, 18 de dezembro de 2021

Card principal

Derrick Lewis derrotou Chris Daukaus por nocaute técnico no 1R
Belal Muhammad derrotou Stephen Thompson por decisão unânime dos jurados
Amanda Lemos derrotou Angela Hill por decisão dividida dos jurados
Ricky Simón derrotou Raphael Assunção por nocaute técnico no 2R
Mateusz Gamrot derrotou Carlos Diego Ferreira por nocaute técnico no R2
Cub Swanson derrotou Darren Elkins por nocaute técnico no 1R

Card preliminar
Gerald Meerschaert finalizou Dustin Stoltzfus com um mata-leão no 1R
Justin Tafa derrotou Harry Hunsucker por nocaute técnico no 1R
Melissa Gatto derrotou Sijara Eubanks por nocaute técnico no 3R
Charles Jourdain derrotou Andre Ewell por decisão unânime dos jurados
Raquel Pennington finalizou Macy Chiasson com uma guilhotina no 2R
Don’Tale Mayes derrotou Josh Parisian por nocaute técnico no 3R
Jordan Leavitt finalizou Matt Sayles com um triângulo invertido no 2R

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários