Brasileira de 15 anos está 'a uma manobra' de conquistar título europeu de skate street
Lance!
Brasileira de 15 anos está 'a uma manobra' de conquistar título europeu de skate street


O domínio brasileiro no skate feminino chegou ao velho continente. Neste final de semana, Virginia Fortes Águas pode entrar para a história da modalidade e garantir o título europeu de skate street de 2021.

A jovem de apenas 15 anos acumulou este ano os troféus da Liga Pro Skate em Portugal, disputadas em Aveiro, Cascais e na Costa da Caparica, venceu por duas vezes o Urban World Series, em Barcelona e Madri, na Espanha e também venceu o tradicional campeonato de Marisquinho, em Vico, na Espanha. Por isso, precisa apenas chegar na final da Liga European Skateboarding Open, última competição do ano, que será disputada em Lisboa entre os dias 17 e 19 de dezembro, para atingir o feito inédito. O evento é reconhecido pela World Skate e pelo Comitê Olímpico Internacional.

Natural de Niterói, no Rio de Janeiro, Virginia confessa que está ansiosa para a disputa desta última etapa em 2021.

- Eu estou muito ansiosa para esse campeonato, meninas de toda Europa estarão competindo, o que eleva demais o nível de skate. Eu fiz um planejamento de disputar todos os campeonatos da Liga para somar bastante ponto no ranking. E estou muito feliz porque deu certo e tenho grandes chances de ser campeã europeia. Se isso acontecer mesmo, será um título inédito para uma brasileira. Mas agora eu só quero andar de skate e colocar tudo que eu conseguir aqui na pista - disse a atleta.

No Brasil a skatista levou para casa o troféu do STU On Tour e terminou na 3ª colocação do STU Open, maior competição de skate da América Latina e único evento de 2021. Na final, Virgínia ficou atrás somente de Rayssa Leal e Pâmela Rosa, que disputaram os Jogos Olímpicos de Tóquio.

Com uma carreira muito bem planejada, Virginia sonha alto apesar da pouca idade. Com uma família de seis irmãos, ficar longe da prole talvez seja a parte mais difícil. Isso porque já morou na Califórnia e Portugal e pretende continuar se dividindo entre o pico americano e o velho continente no próximo ano para ganhar mais manobras e evoluir ainda mais. A distância dos familiares se justifica pelos grandes sonhos. Subindo um degrau de cada vez, ela mira os Jogos Olímpicos de Paris, mas sabe que o processo até lá é construído a cada campeonato que disputa. Atualmente ocupa o nono lugar do ranking mundial, e o título europeu pode ser mais uma etapa concluída.

A Liga European Skateboarding Open começa nesta sexta (17) e vai até domingo (19) com disputas no feminino e masculino na categoria Street.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários