Flamengo vive dia de posse de Landim, o que falta para dirigentes irem à Europa por treinador
Lazlo Dalfovo
Flamengo vive dia de posse de Landim, o que falta para dirigentes irem à Europa por treinador


Os dirigentes do Flamengo , mais precisamente Marcos Braz, vice-presidente de futebol, e Bruno Spindel, diretor da executivo da pasta, estão de malas prontas para deixar o Brasil rumo a Portugal negociar com um técnico que chegue para substituir Renato Gaúcho. O que ainda falta é o dia da posse de Rodolfo Landim, reeleito presidente do clube para o próximo triênio, em evento que ocorrerá na noite desta quinta-feira (16), na Gávea.

No momento, o alvo mais concreto atende por Carlos Carvalhal, cujo contrato com o Braga se encerra em junho de 2022 e que já sinalizou positivamente para os clubes acelerarem as conversas. No momento, os dirigentes do Fla têm no técnico português de 56 anos uma prioridade dentre as cartas na mesa, o que também era essencial para o embarque a Portugal - que deve ocorrer ainda nesta semana.

Carlos Carvalhal, que é técnico do Braga

Carlos Carvalhal está no Braga desde 2020/21 (Foto: AFP)

Já são 17 dias sem um treinador, o que configura o maior período sem comandante no Flamengo na Era Landim . A morosidade atual (ou paciência, já tida por Braz como um trunfo ) se dá muito por conta do cenário de mudanças na política interna nos últimos dias - esta semana ocorreram eleições nos conselhos deliberativo e de administração, por exemplo.

Jorge Jesus e Vitor Pereira (do Fenerbahçe-TUR) são outros portugueses no radar, mas o primeiro já indicou que não deixa o Benfica por conta própria e foi procurado até pelo Rubro-Negro, internamente, considerar uma "obrigação" a consulta pelo histórico de êxito recente. O segundo, por sua vez, não tem o interesse de trabalhar no Brasil, atualmente.

É possível que Braz e Spindel cheguem a Portugal com outros nomes em mente, mas Carvalhal, até por já ter externado que aceitaria o convite do Flamengo, é o norte. A multa de 10 milhões de euros será negociada pessoalmente, e os representantes rubro-negros creem que há negócio com o Braga entre 2,5 milhões e 4 milhões de euros - a ótima relação com Bruno Macedo, que agencia Carvalhal e Jesus, tende a facilitar.

O objetivo do Flamengo é contratar um técnico até o início de janeiro. Cabe lembrar que no dia 10, o elenco se reapresentará no Ninho do Urubu para a temporada 2022.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários