Torcida do Fluminense promove noite de festa intensa no Maracanã desde antes de a bola rolar
Felippe Rocha
Torcida do Fluminense promove noite de festa intensa no Maracanã desde antes de a bola rolar


O clima nos arredores do Maracanã, na noite desta quinta-feira, foi de confiança desde antes de a bola rolar. O Fluminense , em busca da confirmação da vaga na Copa Libertadores, emanava positividade por meio de seus torcedores. E a festa foi realmente impressionante também dentro do estádio.

Seria mesmo impactante pelo número de ingressos vendidos, pela expectativa de o local da partida receber grande público. Muitos cantos, muitas luzes e até as filas para troca de ingressos estavam longas, mas fluíam.

Até uma briga ocorreu, aparentemente entre tricolores que se esbarraram. O tumulto durou cerca de 30 segundos, e a alegria imperou antes de a bola rolar.

-> Confira a classificação final do Campeonato Brasileiro

O problema disso tudo é que a aglomeração seria inevitável. Ainda vivemos uma pandemia que gera, inclusive, discussões sobre a realização ou não de grandes eventos - públicos. O que aconteceu no Maracanã foi um evento pré-pandêmico.

Quando a bola rolou, a confiança foi virando tensão com o passar do primeiro tempo. O domínio, mas a capacidade de incomodar somente com cruzamentos preocupava a arquibancada. O locutor, corretamente, se preocupava com sinalizadores e bombas.

A torcida completou a festa, que já estava bonita, com o alívio permitido já nos primeiros minutos do segundo tempo. Uma blitz resultou em três ataques perigosos em sequência. O primeiro gol, mais tarde o segundo e, já no fim da partida, o terceiro.

Antes de seguirem cantando pelos corredores do Maracanã, os presentes ainda cantaram pela volta do lateral-esquerdo Marcelo. O multicampeão com o Real Madrid volta oara disputar a Copa Libertadores?

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários