Tamanho do texto

Medalha de prata, o baiano busca outro pódio nos Jogos do Rio; na semi, ele foi primeiro colocado de sua bateria

Isaquias Queiroz avançou à semifinal da C1 200m da canoagem
Reprodução Twitter Time Brasil
Isaquias Queiroz avançou à semifinal da C1 200m da canoagem

Estadão Conteúdo

Isaquias Queiroz melhorou seu tempo em relação às qualificatórias e foi à final da canoagem velocidade classe C1 200m (canoa simples, percurso de 200m), nesta quarta-feira, na Lagoa Rodrigo de Freitas. O baiano, que já faturou uma medalha de prata nos Jogos, na prova C1 1.000m, liderou sua bateria e avançou direto à decisão.

Rio 2016:  Acompanhe os Jogos Olímpicos em tempo real

Na fase preliminar, Queiroz completou a prova em 40s422 e ficou na segunda posição, atrás do francês Thomas Simart (40s415). Na semi, o brasileiro fez  39s659 e ficou em primeiro na classificação geral, com grandes chances de colocar mais uma medalha no pescoço.

Fique por dentro: Quadro de medalhas do Rio 2016

Baiano de Ubaiatuba, Isaquias, já tem uma medalha de prata na Rio 2016, conquistada nesta terça-feira no C1 1.000 metros. O ouro foi para o alemão Sebastian Brendel.

Além disso, no próximo sábado, caso se classifique na eliminatória da véspera, Isaquias terá a chance de conquistar mais uma medalha, na final da canoa dupla (C2) 1.000 metros, em parceria com o também brasileiro Erlon de Souza.

OUTROS BRASILEIROS

Se a manhã desta quarta-feira marcou a classificação de Isaquias Queiroz para mais uma final, os outros brasileiros que disputaram a modalidade não tiveram a mesma sorte. Ana Paula Vergutz, no caiaque simples (K1) de 500 metros, e a dupla formada por Edson da Silva e Gilvan Ribeiro, no K2 de 200m, ficaram foram da decisão.

Ana Paula terminou apenas na sexta colocação de sua bateria nas eliminatórias e sequer passou à semifinal. Ela completou o percurso em 2min00s680 e se despediu da Olimpíada sem qualquer chance de pódio.

Já Edson e Gilvan até passaram da eliminatória, mesmo tendo ficado em quinto da bateria, com o tempo de 33s021, mas falharam na tentativa de ir à decisão. Foram apenas os quartos colocados da primeira semifinal, com 33s359, e terão que se contentar com a final B, que não dá direito a medalha.