Publicidade
Publicidade - Super banner
Vôlei
enhanced by Google
 

Vôlei Futuro perde final para o Volero

Time brasileiro perdeu para as suíças por 3 sets a 2, parciais de 25/21, 25/13, 11/25, 22/25 e 15/11

AE |

selo

Após ensaiar uma virada, o Vôlei Futuro não teve forças no momento decisivo e acabou perdendo o título do Torneio Internacional de Vôlei, tradicional competição anual que reúne equipes femininas na Basileia, na Suíça. Na final disputada nesta quarta-feira, o time brasileiro perdeu para o suíço Volero Zurich por 3 sets a 2, com parciais de 25/21, 25/13, 11/25, 22/25 e 15/11, e ficou com o vice-campeonato.

 

Os dois finalistas do torneio tiveram que enfrentar uma rodada dupla nesta quarta-feira. Ainda pela fase de classificação, o Vôlei Futuro entrou em quadra já garantido na final e, com uma equipe reserva, perdeu para o polonês Atom Trefl Sopot por 3 sets a 0. Enquanto isso, o Volero Zurich precisou vencer o holandês Dutch All Stars por 3 a 1 para poder disputar o título logo na sequência.

 

Como fez o primeiro jogo do dia e ainda poupou as titulares, o Vôlei Futuro entrou menos desgastado na final. As donas da casa, por outro lado, não tiveram tempo nem para descansar, fazendo duas partidas na sequência. Mesmo assim, o Volero Zurich dominou os dois sets iniciais com certa facilidade. O time brasileiro ainda reagiu, levando a decisão para o tie break, mas acabou perdendo o título.

 

Contando com jogadoras da seleção brasileira como Paula Pequeno, a equipe de Araçatuba (interior de São Paulo) teve a sua primeira participação no Torneio Internacional de Vôlei, criado em 1989. Mas não conseguiu aumentar a galeria de campeões do Brasil, que conta com Unilever, Rexona e Osasco. Enquanto isso, o Volero Zurich conquistou o título pela segunda vez - a outra foi em 2007.

Leia tudo sobre: vôlei

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG