Publicidade
Publicidade - Super banner
Vôlei
enhanced by Google
 

Vôlei Futuro arrasa Cimed e avança à semifinal na Superliga

Jogando em casa, o time de Ricardinho e Vissotto fez por 3 sets a 0 e fechou em 2 a 0 a série. Rival da semi será o Sada/Cruzeiro

Aretha Martins, iG São Paulo |

O Vôlei Futuro garantiu a vaga na semifinal da Superliga masculina 2010/2011. Jogando em casa, o time de Araçatuba venceu a Cimed, tetracampeã nacional, com facilidade por 3 sets a 0, com parciais de 25/23, 25/17 e 25/21 no ginásio Plácido Rocha. Na próxima fase, o rival será o Sada/Cruzeiro, que eliminou o Pinheiros.

A equipe dos campeões mundiais Ricardinho, Leandro Vissotto, Lucão e Mário Jr, que havia acabado a fase classificatória apenas com a sétima colocação se impôs do começo ao fim e dominou no saque e no bloqueio. o levantador Ricardinho foi eleito o melhor jogador da partida. Dentinho, ponteiro do Vôlei Futuro, foi o maior pontuador, com 13 acertos.

"Tivemos muitas dificuldades no decorrer da Superliga, mas conseguimos superá-las e crescemos na hora certa. Sabíamos que tínhamos que fazer de tudo para fechar a série nesta partida, pois se tivéssemos que enfrentar a Cimed novamente em Florianópolis tudo seria muito mais complicado. Agora é pensar na semifinal e seguir melhorando", comemora o central Michael.

Ricardinho concorda com o companheiro. "Apresentamos altos e baixos durante a primeira fase, mas esta garotada cresceu muito na reta final. Esta vaga na semifinal é um prêmio para todos os envolvidos no projeto da equipe, pela estrutura que nos oferecem", disse o levantador.

O outro lado, o clima era de tristeza. Pela primeira vez em sua história, a Cimed fica fora da decisão. "Não estamos acostumados a ficar fora da final da Superliga. Não conseguimos enfrentar o Vôlei Futuro nas duas partidas. Não fomos aguerridos como costumamos ser, sem tirar os méritos do Vôlei Futuro, que jogou muito bem. Tudo que podemos fazer é pedir desculpas a todos que nos apoiaram e acreditaram em nós mais uma vez. Fracassamos e isso é muito triste", lamentou o levantador Bruninho.

Rival da semifinal
Na sua quinta participação na Superliga, o Vôlei Futuro chega pela primeira vez a uma semifinal do torneio nacional e o rival será o Sada/Cruzeiro, que venceu o Pinheiros/Sky, em São Paulo, por 3 sets a 1, e fechou a série melhor de três em 2 a 0.

Na outra semifinal, o Sesi, que eliminou o Medley/Campinas, encara o Vivo/Minas, que passou pelo BMG/Montes Claros no clássico mineiro.

Vipcomm
Bloqueio do Vôlei Futuro cresce para cima de Bob, oposto da Cimed
O jogo
O primeiro set começou bastante equilibrado e o Vôlei Futuro chegou à primeira parada técnica na frente, com 8 a 7. Logo depois, os donos da casa conseguiram a primeira vantagem da parcial, ao marcarem 11 a 8 e chegaram ao segundo tempo no 16 a 12. Aí foi o momento da Cimed encostar em 16 a 15 no ace de Renato. Mas o time de Araçatuba estava melhor no bloqueio e errando menos. Com isso, voltou a se distanciar um pouco no placar e fechou em 25 a 23.

Na segunda parcial, o Vôlei Futuro já saiu na frente, com 4 a 1. A resposta da Cimed logo veio e, em um ace de Bob, eles chegaram ao 5 a 4. Entretanto, a equipe de Araçatuba estava solta no ataque e bem na defesa e foi dominando o set, abrindo 12 a 7, a maior vantagem até o momento na partida. Com dois pontos de Dentinho, a diferença subiu para 14 a 8. O técnico Marcos Pacheco mexeu no time de Florianópolis, colocou o oposto experiente Anderson no lugar de Bob, mas não deu certo e o Vôlei Futuro seguiu tranquilo na liderança e marcou 25 a 17.

Mais uma vez, o Vôlei Futuro começou na frente. Eles abriram 3 a 0 no início do terceiro set. Do outro lado, a Cimed buscou e igualou em 6 a 6 no ace de Bob, que bateu na rede e caiu na quadra adversária. Porém, alerta na cobertura, o time de Araçatuba se recuperou e, com um bloqueio e um contra-ataque, abriu 12 a 9. Depois disso, os anfitriões deslancharam e abriram 18 a 13. No final, a Cimed, ainda tentou se manter no jogo, mas no saque errado de Anderson, que jogou a terceira parcial como ponteiro, o Vôlei Futuro fechou em 25 a 21. 

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG