Publicidade
Publicidade - Super banner
Vôlei
enhanced by Google
 

Vôlei feminino tem mais duas chances para ir às Olimpíadas

Seleção brasileira pode obter a vaga no Pré-Olímpico sul-americano ou na seletiva mundial, ambos em maio de 2012

Gazeta |

Depois de encerrar nesta sexta-feira sua participação na Copa do Mundo feminina de vôlei do Japão, terminando na quinta colocação, com uma vitória sobre a República Dominicana por 3 a 0, a seleção brasileira passa agora a se preocupar em garantir sua classificação para as Olimpíadas de Londres, no ano que vem. Para isso, o time comandado pelo técnico José Roberto Guimarães terá mais duas oportunidades para carimbar o passaporte.

Veja também: Brasil se despede da Copa com vitória fácil sobre dominicanas

A primeira delas será no início de maio, com o Pré-Olímpico Sul-Americano, ainda sem local definido pela organização, que dá uma vaga. Caso não consiga garantir-se nas Olimpíadas já neste torneio, na segunda quinzena do mesmo mês será realizado o Pré-Olímpico Mundial, também no Japão.

Logo depois de ter conquistado a medalha de ouro nos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara, com uma boa vitória diante de Cuba. o Brasil sofreu um choque de realidade logo na estreia na Copa do Mundo, perdendo por 3 a 1 para as adversárias. Apesar de ter se recuperado em alguns jogos ao longo do torneio, o Brasil foi superado por 3 a 0 pelas fortes equipes de Japão e Itália.

Blog Espírito Olímpico: A distribuição de vagas no vôlei para as Olimpíadas de Londres

Mesmo com três derrotas na competição e algumas vitórias apertadas, as brasileiras garantem que saem com a moral em alta de Tóquio. Nas últimas rodadas, superaram Argentina, Argélia e República Dominicana, todas por 3 a 0, motivo de comemoração para o grupo.

Diante das dominicanas, nesta sexta, Paula Pequeno foi o destaque nos pontos, com 12 anotados. "O jogo contra a República Dominicana é sempre acirrado. O nosso saque funcionou todo o confronto e nos aproveitamos dos erros que elas tiveram hoje", disse a atacante. A central Adenízia, que recebeu mais oportunidades nos últimos jogos, também comemorou o resultado. "Estou feliz pela vitória e pela atuação da equipe. Tivemos algumas dificuldades ao longo do campeonato, mas hoje jogamos com vibração e alegria. A equipe tem objetivos grandes para o futuro", ressaltou.

Leia também: Brasil não leva vaga olímpica, mas Fabi ganha prêmio individual

O técnico José Roberto Guimarães, por sua vez, elogiou o ritmo mais constante de suas jogadoras. "Nós jogamos muito bem. Sacamos, bloqueamos e defendemos com eficiência. O time jogou solto e conseguimos parar a maior pontuadora do campeonato, a Bethania De La Cruz. Foi uma boa vitória", exaltou o treinador.

Para os próximos compromissos, o treinador deverá ter o reforço da ponteira Jaqueline, que sofreu uma lesão na coluna após um choque com Fabi, durante o Pan, e ainda está em recuperação. Semana passada, ela realizou exames no HCor e já retirou o colar cervical.

Leia tudo sobre: vôleicopa do mundo do japãolondres 2012brasil

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG