Publicidade
Publicidade - Super banner
Vôlei
enhanced by Google
 

Vice em 2010, Montes Claros enaltece volta ao seu caldeirão

Do time titular da última Superliga, apenas o levantador Rodriguinho e o meio de rede Salsa continuam

Gazeta Esportiva |

Na última temporada, o BMG/Montes Claros fez sua estreia na Superliga masculina. E o batismo foi mais do que satisfatório. A equipe surpreendeu e chegou à decisão, perdendo o título para a Cimed/Malwee. Além do sucesso dentro das quadras, a torcida mineira lotou o ginásio em praticamente todas as partidas.

Com apoio incondicional dos fãs, a equipe teve a melhor média de público da última edição da Superliga: 5.011 torcedores em cada partida. Número superior a média de público de todo o campeonato, que foi de 1.420 espectadores. Para esta edição, a equipe mineira quer repetir o bom desempenho em quadra. Pela segunda temporada consecutiva, o técnico será Talmo Oliveira, campeão olímpico em Barcelona-1992, ainda como jogador.

"Estrear em casa será muito importante. Nesta temporada, só fizemos dois jogos aqui em Montes Claros. Agora é que vai começar para valer. Espero que o público continue nos prestigiando como no ano passado. Nosso time entrará em quadra para defender a condição de vice-campeã da Superliga e a torcida defenderá o título de maior e melhor torcida da competição", destaca Talmo.

Do time titular da última Superliga, apenas o levantador Rodriguinho e o meio de rede Salsa continuam na equipe. No entanto, novos reforços chegaram. O ponteiro Bruno Zanutto (ex-Sada Cruzeiro), o central Giovanni (ex-Brasil Vôlei Clube) e o oposto Leandrão, que estava no voleibol coreano, são as novas armas da equipe mineira.

"Ainda é muito cedo para sabermos como o time se comportará. Durante a Superliga, o time começará a mostrar qual será o seu padrão. Mas aposto que a força coletiva será nossa principal arma", diz Talmo, que prega muito respeito ao primeiro adversário.

"O Santo André é um time que, na última Superliga, teve um bom desempenho. É uma equipe tradicional e que merece respeito", completa Talmo.

Durante a preparação, o BMG/Montes Claros disputou a Copa Cimed e foi campeão, além de ter conquistado a medalha de bronze do Campeonato Mineiro.

Leia tudo sobre: vôlei - superliga masculina

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG