Publicidade
Publicidade - Super banner
Vôlei
enhanced by Google
 

Veterano Emanuel comemora ano de renovação no vôlei de praia

"Ele faz parte do meu projeto de renovação, eu rejuvenesci, ganhei um novo gás ao seu lado", diz jogador sobre parceiro Alison

Gazeta |

Washington Alves/Inovafoto/COB
Emanuel concorria a prêmio de atleta do ano do COB, mas perdeu para o nadador Cesar Cielo
Aos 38 anos, Emanuel parece não se cansar de ganhar títulos. Em 2011, foi campeão mundial, do Circuito Mundial, dos Jogos Pan-americanos e do Circuito Banco do Brasil. Por isso, foi eleito o melhor do ano no vôlei de praia e indicado ao posto de destaque masculino entre todas as modalidades pelo Comitê Olímpico Brasileiro (COB), perdeu o troféu mais cobiçado para o nadador Cesar Cielo.

Leia também: Brasileiros dominam as areias de Puero Vallarta no Pan

"Trata-se de um dia de muitas emoções, eu fico nervoso, não estou acostumado, é diferente. Tive a possibilidade de colocar o vôlei de praia em uma condição inédita", disse o experiente jogador, em entrevista ao Sportv.

Emanuel fez questão de exaltar a ajuda de Alison, seu parceiro no vôlei de praia. Na temporada, o campeão olímpico de 2004 já havia sido considerado o melhor jogador do mundo da modalidade.

"Ele faz parte do meu projeto de renovação, eu rejuvenesci, ganhei um novo gás ao seu lado", afirmou.

Esposa de Emanuel, a ex-jogadora Leile destaca a determinação do marido para seguir com a carreira vitoriosa. "Ele merece tudo isso, a forma com que conduz sua carreira, vem para coroar todo o seu amor pelo esporte", explicou.

 

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG