Jogadores do Sesi usam a conquista, que seria inédita, como forma de se animar para a disputa no Catar

A chance de conquistar uma inédita vaga no Campeonato Mundial de vôlei é a principal motivação dos jogadores do Sesi para o Campeonato Sul-americano de clubes, disputado entre quarta-feira e domingo em São Paulo. O campeão do torneio continental se classifica para disputar em outubro no Catar o título de melhor time do mundo, ainda inédito para o Brasil.

As equipes italianas dominaram todas as edições do Mundial de clubes. De 1989 a 1992, Maxicono Parma, Mediolanum Milano, duas vezes, e Il Messaggero Ravenna ficaram com o título. Desde que o campeonato voltou a ser disputado, em 2009, o Trentino levantou todos os troféus.

"Escolhi o Sesi exatamente por causa desses campeonatos. Vai ser nossa primeira chance de disputar o Mundial, não tivemos essa oportunidade ainda, e com certeza isso é uma motivação grande", disse o central Rodrigão, que acertou recentemente contrato com o time paulistano após receber propostas de outras equipes brasileiras.

Além do campeão sul-americano, disputam o Mundial o campeão europeu e bicampeão mundial, Trentino, da Itália, o egípcio Al-Ahly, campeão da África, o catariano Al-Arabi, representante da casa, o polonês Jastrzebski, quarto colocado no Europeu, o russo Zenit Kazan, vice-campeão europeu, o campeão asiático, ainda não definido, e o canadense Spartans Vancouver, vencedor do campeonato da Norceca.

Até mesmo o líbero Serginho, dono de duas medalhas olímpicas com a seleção brasileira, vê com entusiasmo a chance de poder disputar o Mundial e lutar por um título inédito para o Brasil. "O Campeonato Sul-americano é o sonho de qualquer clube brasileiro, ainda mais dando vaga para o Mundial, que nunca um time daqui venceu", afirmou o defensor.

O caminho do Sesi para conquistar uma vaga no Campeonato Mundial começa nesta quarta-feira, às 18h30 (de Brasília), contra os peruanos do Club Peerless. Club Ingenieros, da Bolívia, Universidad Católica, do Chile, e UPCN, da Argentina, são os outros concorrentes ao título continental.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.