Publicidade
Publicidade - Super banner
Vôlei
enhanced by Google
 

Três duplas brasileiras avançam às oitavas de final em Haia

Parcerias do Brasil seguem invictas e avançaram na etapa do Circuito Mundial de vôlei de praia

Gazeta |

Três das quatro duplas brasileiras que disputam a etapa de Haia do Circuito Mundial de vôlei de praia garantiram nesta quinta-feira passagem às oitavas de final do torneio. Após duas partidas, Talita/Maria Elisa, Juliana/Larissa e Taiana/Vivian, que bateu Maria Clara/Carolina, seguem invictas e avançaram na chave. Já as irmãs cariocas estão na repescagem.

Defendendo o título conquistado na temporada passada, Talita e Maria Elisa iniciaram a quinta-feira derrotando as gêmeas finlandesas Erika e Emilia Nystrom, com 21/16 e 21/18, e em seguida superaram as norte-americanas Fendrick e Hanson, com duplo 21/18. Nas oitavas de final, elas enfrentam Kuhn e Zumkerh, da Suíça."Fomos bem nos primeiros jogos, mas sempre temos onde melhorar. Cometemos alguns erros que não queremos repetir nos próximos dias. A reta final da temporada é sempre difícil, pois o corpo e a mente sentem o cansaço, mas estamos buscando forças nos lembrando do nosso principal objetivo, que é disputar os Jogos Olímpicos", disse Talita.

Já as líderes do ranking mundial, Juliana e Larissa, seguem firmes para conquistar o sexto título do Circuito. Nesta quinta-feira, vitória sobre Ingrid e Maaseide, da Noruega, e Arvaniti e Tsiartsiani, da Grécia, ambas por 2 sets a 0. Nas oitavas de final, difícil confronto com as norte-americanas Kessy e Ross.

"O confronto com duplas americanas é sempre disputado. Nesta temporada, jogamos contra Kessy e Ross na semifinal em Brasília e na final na Polônia. Conseguimos vencer as duas partidas, mas isso não significa que teremos facilidades para esse novo duelo. Temos que manter a concentração e lutar por cada ponto. Queremos chegar à final na Holanda, brigar pela medalha de ouro e pelo título mundial", explicou Larissa.

Taiana e Vivian, que vieram do qualifying, superaram as russas Vasina e Vozakova com tranquilidade (21/10 e 21/11), e em seguida tiveram que suar para superar as irmãs Maria Clara e Carolina, com duplo 21/19, para avançar às oitava de final, em que enfrentam as bicampeãs olímpicas Walsh e May.

Derrotadas, as irmãs Maria Clara e Carolina enfrentam na repescagem as russas Ukolova e Khomyakova.

Leia tudo sobre: vôlei de praia

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG