orgulho após vice no Japão - Vôlei - iG" /
Publicidade
Publicidade - Super banner
Vôlei
enhanced by Google
 

Seleção de vôlei destaca orgulho após vice no Japão

Desse Mundial a gente vai levar muitas coisas boas, apesar de não ter conseguido a vitória contra a Rússia e não ter saído com o título, afirmou Natália

Agência Estado |

Antes de embarcar de Tóquio rumo ao Brasil, um dia depois de terem sido derrotadas pela Rússia na final do Mundial de vôlei, as jogadoras da seleção brasileira deixaram as lágrimas derramadas no domingo de lado para ressaltar o orgulho que tiveram de si próprias pela bela campanha na competição. No Japão, o time brasileiro conquistou dez vitórias e só foi superado, por 3 sets a 2, na decisão.

"Desse Mundial a gente vai levar muitas coisas boas, apesar de não ter conseguido a vitória contra a Rússia e não ter saído com o título. O grupo que a gente conquistou aqui foi a melhor parte, a luta que a gente teve... a gente conseguiu se superar. Estamos orgulhosas da gente. É isso que a gente vai levar de bom", afirmou a aposto Natália, um dos principais destaques do Brasil no Mundial, em entrevista ao canal SporTV.

A ponteira Jaqueline, por sua vez, seguiu a mesma linha de discurso da sua companheira. "O grupo é muito especial. Acho que a gente superou muitas coisas, muitas dificuldades, e hoje estou com o orgulho lá em cima de ter trabalhado com essa equipe, com essas meninas que se dedicaram tanto. Faltou pouco, mas infelizmente a vida é assim: nem todo mundo vence. Parabéns para todas as meninas", ressaltou.

Já o técnico José Roberto Guimarães lembrou que o vice-campeonato foi expressivo para o Brasil, até porque muitas jogadoras tiveram a sua primeira experiência em um Mundial. "O fato de a gente ter conseguido chegar a uma outra final tem um significado muito importante para essa geração, que tem algumas jogadoras que entraram na seleção no ano passado. Foi importante para o crescimento delas, para continuidade do nosso trabalho, e o parâmetro de como as outras seleções estão", enfatizou o treinador.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG