Publicidade
Publicidade - Super banner
Vôlei
enhanced by Google
 

Rússia vence Estados Unidos e vai para a final do Mundial feminino

Time europeu busca o segundo título seguido e vai enfrentar o Brasil, que derrotou o Japão na segunda semifinal

iG São Paulo |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237860197612&_c_=MiGComponente_C

A atual campeã Rússia está em mais uma final do Campeonato Mundial feminino de vôlei. A seleção europeia venceu os Estados Unidos nesta madrugada por 3 sets a 1, com parciais de 25/16, 13/25, 25/19 e 25/21 em uma hora e 19 minutos de partida na primeira semifinal do torneio. 

As russas dominaram a rede. Confirmando a fama de boas bloqueadoras, elas marcaram 10 pontos no fundamento contra seis dos Estados Unidos. O time europeu também marcou mais aces na partida (4 a 3). Ainda assim, a maior pontuadora do jogo foi a oposta norte-americana Destinee Hooker, com 23 bolas no chão (20 no ataque, um no bloqueio e dois no saque). Do lado russo, destaque para a gigante Ekaterina Gamova, com 22 acertos (21 no ataque e um no bloqueio).

O jogo
As russas, melhores no ataque, logo abriram no placar e marcaram 10 a 5 depois de uma cortada de Tatiana Kosheleva. A seleção atual campeã manteve o bom ritmo e chegou a fazer 22 a 15. Para fechar a primeira parcial, um ace de Evgeniya Startseva e um ataque de Liubov Shashkova, que furo o bloqueio norte-americano.

No segundo set, os Estados Unidos, que venceram o Grand Prix deste ano, acordaram para a partida. Elas assumiram a liderança no 8 a 7 e seguiram à frente até o 20 a 10, com destaque para a oposta Destinee Hooker no saque e a central Akirandewo na rede. As russas tentaram reagir se aproveitando do bloqueio de 2m, mas o momento era mesmo norte-americano, que explorou a marcação, se manteve e à frente e empatou a partida.

O jogo fico mais equilibrado no terceiro set. Larson precisou bater quatro vezes até que a bola caísse na quadra russa, mas as europeias estavam dominantes na rede e conseguiram abrir 18 a 13 no marcador. Os Estados Unidos ainda marcaram 19 a 15, mas a Rússia variou seu ataque com Shashkova e Gamova e abriu mais uma vez (22 a 16). Larson, umn dos destaques norte-americanos do jogo, ainda acertou ataques pela ponta, mas era tarde e as russas fecharam em 25 a 19.

No quarto set, as norte-americanas tentaram ficar perto das russas no placar com Hooker e Larson, mas Gamova seguiu liderança a seleção europeia e obrigando as rivais a se defenderem mais. Com a gigante de 2,02m, as russas abriram 19 a 16 e, na sequência, chegaram a 21 a 18 com dois ataques de Kosholeva. Os Estados Unidos tentaram mais uma reação, mas Gamova venceu um longo rali e, depois, a Rússia fechou o set em 25 a 21 e a partida em 3 sets a 1

Agora as atuais campeãs terão o Brasil como adversário na grande final do do Campeonato Mundial. A seleção brasileira derrotou as japonesas por 3 sets a 2.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG