Publicidade
Publicidade - Super banner
Vôlei
enhanced by Google
 

RJX elimina atual campeão Sesi e é o primeiro na semi da Superliga

Time carioca conta com apoio da torcida no Maracanãzinho e vence confronto por 3 sets a 2, em mais de duas horas de partida

Gazeta |

A torcida que lotou o ginásio do Maracanãzinho, no Rio de Janeiro, assistiu a um jogo emocionante e muito disputado entre RJX e Sesi. O time carioca levou a melhor sobre os paulistas, na tarde deste sábado, e conseguiu a classificação para as semifinais da Superliga Masculina de vôlei. O jogo ficou 3 sets a 2 para os donos da casa, com parciais de 26/24, 18/25, 25/14, 24/26 e 15/12, em mais de duas horas de confronto.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

“O nosso objetivo na fase classificatória era passar para o play-off, sem pensar no cruzamento que teríamos. Agora, atingimos o nosso objetivo, zeramos o processo e ganhamos uma segunda oportunidade. Tudo que nós planejamos, deu certo”, comemorou Marcão.

CBV/Divulgação
RJX despacha atuais campeões e se garantem na semifinal da Superliga

Para o oposto Théo, a vitória diante do Sesi vai motivar a equipe na sequência da competição. “Acho que ninguém esperava chegarmos às quartas-de-final e ganhar em dois jogos, depois de uma fase classificatória irregular. Essas vitórias irão dar muita moral para a nossa equipe continuar. Sem dúvida, ganhar do atual campeão vai dar uma motivação a mais. O Sesi-SP foi um time muito guerreiro, mas conseguimos fazer o que tínhamos nos proposto”, comentou o jogador, que foi o eleito o melhor da partida pela organização.

Leia também: Osasco sai na frente do Minas na semifinal da Superliga feminina

O equilíbrio das equipes durante a partida foi tamanho, que até mesmo os pontuadores alcançaram a mesma marca. O ponteiro Lipe, do RJX, e o oposto Wallace, do Sesi, marcaram 19 pontos cada e foram os destaques no ataque.

Wallace não pode aumentar a marca, pois ficou de fora do tie-break, com dores no joelho, que não foi totalmente recuperado de uma lesão. “Não me arrependo de ter jogado no sacrifício, mas é uma pena que a nossa equipe saiu na metade da estrada. Jogamos contra um time que teve mérito e agora não adianta chorar o leite derramado. Acabou para nós”, lamentou o jogador.

Veja ainda: Na Superliga masculina, Vivo/Minas e BMG/São Bernardo empatam séries

O RJX foi o primeiro a se classificar para a próxima fase e terá que esperar a definição entre Vôlei Futuro e Medley/Campinas. O jogo será neste sábado, às 21h30 (de Brasília), e o time de Araçatuba pode garantir a classificação se conseguir triunfar em Campinas, pois foi o vencedor da primeira partida em casa.

O jogo

O equilíbrio, que foi a marca do confronto, começou logo no primeiro set. Foram três empates, em 5/5, 10/10 e 23/23, antes do RJX fechar na frente com o bloqueio de Riad, que determinou o 26/24 na parcial.

O segundo set continuou equilibrado até que o Sesi abriu vantagem de seis pontos em 13/7 e não deixou mais os donos da casa se aproximarem. O placar terminou em 25/18.
Em seguida, foi a vez do RJX estabelecer vantagem no começo da parcial e administrar o placar. Com 12/5 favoráveis aos cariocas, o Sesi não conseguiu alcançar o time do Rio de Janeiro, que fez 2 sets a 1 na partida.

No set que poderia decidir o jogo, nenhum dos times conseguiu abrir grande vantagem. RJX e Sesi foram trocando de posição e repetiram grande equilíbrio da primeira parcial. Todavia, deste vez foi a equipe paulista que terminou na frente e devolveu o 26/24, levando o duelo para o tie-break.

Na decisão, os donos da casa tiveram mais concentração e precisão, o que determinou a vitória e a classificação. Com menos erros cometidos, o RJX fez 15/12, em mais uma parcial disputada. 

Leia tudo sobre: superliga masculinavôleisesirjx

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG