Publicidade
Publicidade - Super banner
Vôlei
enhanced by Google
 

Jaqueline anuncia retorno às quadras e quer continuar no Brasil

A jogadora quer ajudar a seleção brasileira de vôlei a conquistar o bicampeonato olímpico nos jogos em Londres

Gazeta Esportiva |

Duas semanas após perder o bebê, Jaqueline volta a pensar em vôlei. A ponta está em Belo Horizonte (MG) neste final de semana para acompanhar o marido, Murilo, nas partidas da seleção brasileira masculina de vôlei contra os Estados Unidos, pela Liga Mundial 2011. Mesmo parada e de férias, e já planeja o seu retorno às quadras.

vipcomm
Jaqueline, ex-ponta do Sollys/Osasco, busca novo clube para seu retorno às quadras
Nos seus planos estão a rápida definição do contrato com algum clube para a disputa da temporada 2011/2012 da Superliga, além de continuar com a Seleção Brasileira. O técnico José Roberto Guimarães já conta com a atleta, mas ela ainda não deu previsão de apresentação no CT de Saquarema.

Quanto à sua próxima equipe, a única certeza é de que será no Brasil e Jaqueline pretende estar com tudo resolvido antes nas próximas semanas para dar sequência na vida pessoal, com Murilo, e profissional, no vôlei brasileiro.

"Aos poucos a minha vida está voltando ao normal. Fiquei muito triste com tudo o que aconteceu, o Murilo também, mas aconteceu e a gente superou isso juntos. Quero me concentrar agora em jogar, acertar a minha situação, fechar com algum clube para a Superliga e voltar à Seleção Brasileira", afirmou.

Jaqueline revelou que sua vontade é mesmo permanecer no seu país natal, ainda que tenha sido convidada a ir jogar no continente europeu. O pensamento da atleta, medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de Pequim-2008, é totalmente direcionado para o vôlei do Brasil, tanto em clubes, como da seleção feminina.

"Tive algumas propostas da Europa, mas não quero sair do Brasil, quero ficar no país. Meu objetivo agora é treinar, treinar e treinar, quero ajudar o Brasil a lutar pelo bicampeonato olímpico em Londres. Estou me sentindo bem, pronta para voltar a jogar e a gravidez vai ficar para depois das Olimpíadas", projetou.

Leia tudo sobre: vôleijaqueline

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG