Safronova sofreu um derrame cerebral durante um treinamento em dezembro do ano passado e segue internada

Melhor jogadora do Mundial feminino de vôlei, encerrado no último domingo com vitória da Rússia, Ekaterina Gamova dedicou o sucesso na disputa à ex-jogadora da seleção Natalia Safronova.

Safronova sofreu um derrame cerebral durante um treinamento do Dínamo de Moscou em dezembro do ano passado. Ela, que chegou a ficar 18 dias em coma, permanece internada desde então.

"A situação da Safronova não deve ser esquecida. Natalia, estamos com você. Você é parte deste time!", comentou a gigante de 2,02m.

Ao comentar a decisão contra o Brasil, na qual marcou 35 pontos, Gamova minimizou sua atuação. "Simplesmente não é possível vencer sozinha. Provamos que nossa vitória há quatro anos não foi um acidente", desabafou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.