Publicidade
Publicidade - Super banner
Vôlei
enhanced by Google
 

Exame não constata fratura, mas Giba é afastado por três semanas

Jogador torceu o pé direito e sofreu lesão no ligamento durante derrota do Pinheiros para o Sesi em partida válida pela Superliga

Gazeta Esportiva |

A má fase de Giba, que defende o Pinheiros/Sky, parece não ter fim. Durante a derrota para o Sesi/São Paulo, na última partida disputada pela Superliga Masculina, o jogador saiu de quadra contundido após torcer o pé direito, e o departamento médico do clube revelou que o atacante pode ficar até três semanas longe das partidas.

Com 34 anos de idade, Giba não conseguiu impedir a derrota por 3 sets a 1 nesta última segunda-feira em São Paulo, e ainda se contundiu após um lance acidental. Em uma disputa de bola na rede com Murilo, Giba pisou no pé do adversário e sofreu uma lesão ligamentar.

"Já fizemos o exame de raio-x e não foi constatada fratura na avaliação, que era o que mais nos preocupava. O Giba sofreu uma lesão ligamentar no tornozelo direito. Vamos tratar e vai ficar tudo bem", disse o doutor Julio Nardelli, médico responsável pela equipe.

"Precisaremos das primeiras 24 ou até 48 horas para dar um prognóstico real e falar sobre o tempo necessário para ele voltar a jogar. Faremos uma ressonância para saber quando ele retorna, mas a princípio, ele fica, no mínimo, três semanas afastado", concluiu Nardelli.

Retornando ao vôlei como o melhor jogador do mundo, o atacante não vem sendo decisivo, nem mesmo na equipe formada por atletas de nível de seleção brasileira, como Gustavo, Rodrigão e Marcelinho - estes dois últimos já dispensados pelo clube - trazidos após o alto investimento do Pinheiros, visando montar uma equipe vitoriosa.

A equipe paulista, que não conseguiu resultados expressivos na temporada passada da Superliga e no Campeonato Paulista, ocupa o quarto lugar na classificação geral do torneio. Ao todo, o Pinheiros soma 25 pontos em dez vitórias e cinco derrotas nesta temporada.

Leia tudo sobre: superligagibapinheiroslesão

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG