Tamanho do texto

Ao lado do parceiro Ferramenta, atleta venceu na etapa do Circuito Mundial de vôlei de praia

O carioca Pedro Solberg venceu nesta quinta-feira suas primeiras partidas após sua suspensão por doping ter sido revogada pela Federação Internacional de Vôlei (FIVB). Ao lado do parceiro Ferramenta, ele saiu vitorioso de quadra nos dois jogos do dia na etapa de Haia do Circuito Mundial de vôlei de praia e garantiu vaga nas oitavas de final do torneio.

Solberg e Ferramenta iniciaram o dia derrotando os norte-americanos Jennings e Patterson por 2 sets a 0, com parciais de 21/19 e 21/13. Na sequência, Ferbringer/Lucena, outra parceria norte-americana, caiu diante dos brasileiros por 2 sets a 0: 21/14 e 23/21.

Nas oitavas de final, Solberg e Ferramenta pegam os russos Semenov e Koshkarev.Outra dupla nacional que venceu duas partidas nesta quinta-feira foi Ricardo/Pedro Cunha. Com triunfos sobre os italianos Casadei e Colaberardino e Paolo e Matteo Ingrosso, os brasileiros garantiram vaga nas oitavas, em que enfrentarão os norte-americanos Gibb e Rosenthal.

"Entramos mais concentrados e mais dispostos e conseguimos os resultados. A dupla dos Estados Unidos é forte e jogou bem hoje. Será um jogo complicado", afirmou Pedro Cunha.

Campeões em Aland na última semana, Márcio e Benjamin começaram bem o dia, vencendo os dinamarqueses Hoyer e Soderberg de virada, com parciais de 19/21, 21/14 e 15/10, mas depois caíram para os brasileiros naturalizados georgianos Jorge e Renatão, que venceram por 21/19 e 24/22.

Na repescagem, Márcio e Benjamin pegam os norte-americanos Jennings e Patterson, derrotados por Solberg e Ferramenta.

"Oscilamos muito nos dois jogos do dia e acabamos pagando o preço por esta inconstância. As duplas norte-americanas são sempre fortes e precisaremos retomar o ritmo da Finlândia, quando cometemos pouquíssimos erros, para avançar", disse Márcio.

Thiago e Harley, também com uma vitória e uma derrota, foram para a repescagem, em que enfrentam os irmãos franceses Andy e Kevin Cés

"Os franceses jogam juntos há bastante tempo, mas são limitados no aspecto físico. Isso pode pesar. Se fizemos o nosso jogo, temos boas chances de passar", avaliou Thiago.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.