Publicidade
Publicidade - Super banner
Vôlei
enhanced by Google
 

Em casa, campeã Cimed pega Vivo/Minas e quer voltar a vencer

"Temos que manter uma boa relação entre o bloqueio e a defesa e procurar amortecer todas as bolas", afirmou o oposto Bob

Gazeta |

Atual campeã da Superliga Masculina, a Cimed não iniciou 2011 do jeito que esperava. Em casa, perdeu para o Sada Cruzeiro por 3 a 2, na última quarta-feira. Mesmo com nove vitórias em 11 jogos, o time acostumado com bons resultados, quer voltar a vencer diante do Vivo/Minas, nesta sexta-feira, na abertura da 13ª rodada.

O oposto Bob, com 135 pontos na edição 2010/2011, espera um jogo difícil. "Cimed e Minas é um confronto entre grandes times da atualidade. As duas equipes disputaram quatro das últimas cinco finais da Superliga. É um clássico", comentou.

"Temos que manter uma boa relação entre o bloqueio e a defesa e procurar amortecer todas as bolas", completou o atual sexto melhor em pontos da liga.

A derrota no primeiro jogo não atrapalha os planos da equipe. "Já superamos a derrota para o Sada Cruzeiro e estamos concentrados em Minas Gerais. Será um jogo muito importante, já que é um adversário direto na briga pelo título", encerrou.

O time do Vivo/Minas respeita o confronto desta sexta-feira. O campeão olímpico André Nascimento defende o respeito entre os adversários. "É sempre difícil jogar na casa da Cimed. Eles têm um time consistente, com peças importantes, como o Bruno e o João Paulo", afirmou.

Perguntado sobre o caminho para a vitória, Nascimento, conhecido como 'Canha', é mais direto. "Sacar bem para tentar dificultar o trabalho do Bruninho. Será um jogo de alto nível, mas nosso time está em uma crescente. Estamos preparados", frisou o oposto do time mineiro, que ocupa a sexta posição na tabela.

Leia tudo sobre: Vivo/MinasAndré NascimentoSuperliga MasculinaCimedBob

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG