Publicidade
Publicidade - Super banner
Vôlei
enhanced by Google
 

De virada, Osasco devolve derrota do turno contra Minas

Esta foi a última partida da equipe fora de casa na fase classificatória. Quinta-feira elas enfrentam o Macaé Sports

Gazeta Esportiva |

Atual campeão da Superliga Feminina, o Sollys/Osasco devolveu a derrota do turno para a Usiminas/Minas. O time paulista começou em desvantagem em Belo Horizonte, mas conseguiu a virada e ganhou por 3 sets a 1, parciais de 15/25, 25/19, 25/20 e 25/20.

Apesar de o Minas jogar em casa e contar com a cubana Herrera, maior pontuadora da Superliga, o dia foi da oposto Natália, do Osasco. Com 19 acertos - 15 de ataque, três de bloqueio e um de saque -, a atacante foi a maior pontuadora do jogo e ainda ganhou o prêmio de melhor em quadra.

Pelo time da casa, Herrera, aniversariante do dia, não recebeu o presente que queria pelos seus 27 anos. A ponteira marcou 12 pontos e o principal destaque da equipe mineira foi a central Natasha, com 15 acertos.

Satisfeito, o técnico Luizomar de Moura tratou de comemorar a vitória das paulistas. "A Usiminas/Minas teve méritos neste jogo. Apesar de ter um investimento menor do que as grandes equipes, é um time de muita tradição, com uma torcida que apoia muito. Ficamos um pouco irritados, mas nesta reta final de fase classificatória, perto dos playoffs, os jogos ganham em emoção, porque os times jogam sempre com muita garra", disse o técnico do Osasco.

Do outro lado da quadra, a central Renata lamentou o número excessivo de erros cometidos pelas anfitriãs durante o confronto. "Começamos bem, mas cometemos muitas falhas quando não podíamos. Temos que dar os méritos para o lado de lá também", reconheceu.

Esta foi a última partida do Osasco como visitante nesta Superliga. O próximo jogo da equipe será na quinta-feira, contra o Macaé Sports, a partir das 19h30 (de Brasília). Já o Minas joga em casa novamente, no mesmo dia. O adversário será o Pauta/São José, às 20h.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG