No primeiro jogo da semifinal, os torcedores insultaram o central Michael, do Vôlei Futuro

Divulgação/CBV
Michael foi destaque do Vôlei Futuro na segunda partida da série semifinal, em Araçatuba
A Comissão Disciplinar do STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) puniu, por decisão unânime, a equipe do Sada/Cruzeiro com multa de R$ 50 mil pelo caso de homofobia de sua torcida contra Michael, meio-de-rede do Vôlei Futuro, durante a primeira partida da semifinal da Superliga masculina 2010/2011.

O time mineiro foi denunciado por "praticar ato discriminatório, desdenhoso ou ultrajante, relacionado a preconceito em razão de origem sexual", como prevê o artigo 243-G do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD). A multa poderia chegar a R$ 100 mil.

Na partida em Contagem, vencida pelo Sada/Cruzeiro por 3 sets a 2, Michael, jogador homossexual assumido, se sentiu assustado e ofendido com os gritos da torcida cruzeirense . “Foi uma coisa que assustou logo no começo, ter uma manifestação assim, tão grande. Era todo mundo gritando ‘gay, bicha’”, disse em entrevista ao iG na semana passada. O Vôlei Futuro enviou vídeos da partida à CBV (Confederação Brasileira de Vôlei) e o caso foi encaminhado ao STJD.

Além disso, o Ministério Público de Minas Gerais ainda recolhe informações sobre a partida para saber se toma ou não alguma providência sobre o caso.

Jogo em Contagem decide a série

A série semifinal da Superliga masculina está empatada. Depois da derrota no polêmico jogo em Contagem, o Vôlei Futuro venceu em Araçatuba por 3 sets a 2. Apesar da punição do STJD, o Sada/Cruzeiro segue como mandante da terceira a última partida, na sexta-feira, às 20h30. De acordo com o time, todos os 2000 ingressos que foram colocados à venda na tarde de terça-feira se esgotaram em 35 minutos.

A e quipe mineira ainda prepara uma ação para a sua torcida . De acordo com o vice-presidente Alberto Medioli, será uma campanha para lembrar a importância de torcer e apoiar o time, sempre respeitando os atletas e a equipe adversária. Segundo a assessoria do Sada/Cruzeiro, serão colocadas faixas no ginásio e a campanha também será feita nas redes sociais.

Na outra série, o Sesi venceu o Vivo/Minas e assegurou a vaga na decisão.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.