Publicidade
Publicidade - Super banner
Vôlei
enhanced by Google
 

Com retorno de Mari, Brasil disputa Copa Internacional no DF

Jogadora não esteve presente no título Pan-americano por problemas pessoais, mas agora voltou ao time

Gazeta |

Vitoriosa no último final de semana, a seleção brasileira feminina chegará motivado à Brasília. A equipe principal venceu de forma invicta a Copa Pan-americana, no México, e agora disputará a Copa Internacional de vôlei, torneio amistoso que serve de preparação para o Grand Prix. O principal destaque é o retorno da oposto Mari, que não esteve presente no título Pan-americano.

A atleta havia pedido dispensa por motivos pessoais e não disputou o torneio no México. Agora, ela confirma presença na competição que terá a participação de Itália, Japão e Peru. Os jogos serão realizados entre os dias 14 e 16 de julho, no ginásio Nilson Nelson, com entrada franca.

O Brasil desembarcará em Brasília, na noite desta terça-feira (12). O treinador José Roberto Guimarães contará com as levantadoras Dani Lins, Fabíola e Ana Tiemi; as opostos Sheilla, Jú Nogueira e Tandara; as centrais Adenízia, Fabiana e Thaisa; as ponteiras Mari, Sassá, Natália e Paula Pequeno, e a líbero Fabi.

"Vai ser bom poder jogar esse quadrangular contra equipes de tradição do voleibol mundial. Jogar dentro de casa é sempre positivo. Optamos por disputar um grande número de partidas como forma de preparação para os Jogos Olímpicos de 2012. Queremos dar ritmo de jogo para todo o grupo", explicou o treinador.

Na equipe que disputará a Copa Internacional em Brasília, Zé Roberto não contará com a central Juciely e a ponteira Fernanda Garay que foram liberadas para disputar os Jogos Mundiais Militares no Rio de Janeiro.

"A Juciely e a Fernanda vão disputar o Mundial Militar e retornarão ao grupo para seguir a preparação para o Grand Prix após o evento. Esse ano trabalharemos com duas seleções e isso foi muito positivo. O grupo não está fechado e a briga por posições na equipe continua. Estamos preparando o grupo para Londres", afirmou Zé Roberto.

No último fim de semana, além da conquista da Copa Pan-Americana, com a seleção principal, o Brasil participou de outra final. A seleção feminina de novas, reforçada pela ponteira Sassá, a central Adenízia, a oposto Joycinha e a líbero Camila Brait, terminou com o vice-campeonato da tradicional Copa Yeltsin na Rússia. A China ficou com o título ao bater o Brasil por 3 sets a 2.

O primeiro duelo da Copa Internacional acontecerá na quinta-feira (14), às 16h, entre as seleções da Itália e do Japão. Logo depois, o Brasil estreará no torneio contra o Peru, às 18h30. Na sexta-feira (15) será a vez de as peruanas enfrentarem as italianas, às 16h. Em seguida, o Brasil medirá forças com o Japão, às 18h30. No sábado (16), o Brasil jogará contra a Itália, às 10h. Já o Japão buscará um resultado positivo contra o Peru, também, às 10h, mas no ginásio do Cruzeiro.

Leia tudo sobre: seleção feminina de vôleimari

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG