Publicidade
Publicidade - Super banner
Vôlei
enhanced by Google
 

Brasileiros começam bem o Sul-Americano de Praia no Equador

Quatro duplas brasileiras estrearam na sexta e conseguiram cinco vitórias no torneio disputado em Manta

Gazeta |

Os representantes do vôlei brasileiro nos Jogos Sul-Americanos de Praia tiveram uma boa estreia nas areias de Manta. As quatro duplas brasileiras que entraram em jogo na último sexta conseguiram cinco vitórias no torneio disputado no Equador.

Na disputa feminina, o destaque foi a dupla Elize Maia e Bárbara Seixas, que venceram duas vezes e assumiram a liderança do Grupo A. As brasileiras superaram as irmãs colombianas Galindo, por 2 sets a 0, com parciais de 21/13 e 21/8. Em seguida, a dupla verde-amarela não perdoou as anfitriões Villamar e Espinosa e aplicaram outro 2 a 0, com parciais tranquilas de 21/9 e 21/13. As duas voltam à quadra neste sábado para enfrentar outra dupla equatoriana, Vilela e Chila.

"Depois de uma viagem cansativa, ainda temos que nos acostumar com o clima, mas a estreia foi legal. Conseguimos imprimir um ritmo bacana e agora é buscar melhorar em alguns pontos, como a defesa. Estamos com boas expectativas para a competição", declarou Bárbara Seixas.

A outra dupla do Brasil no feminino é formada por Neide e Rebecca, que jogam pelo Grupo C e também triunfaram na estreia. As brasileiras venceram com um duplo 21/8 para cima das peruanas Nora e Doreis. Neste sábado, elas têm mais dois compromissos, o primeiro contra Rodriguez e Vera, da Venezuela, e depois é a vez da dupla Cardozo e Nieto, do Uruguai.

"Não conhecíamos a dupla adversária. Prefiro sempre pegar uma equipe mais forte na estreia para poder pegar ritmo para os próximos jogos. Eu e a Rebecca já jogamos juntas no Brasil e não nos cobramos tanto. Cada uma faz a sua parte e o jogo fluiu", comentou Neide.

Pelo torneio masculino, Evandro e Harley estrearam e somaram mais uma vitória em sets diretos. A partida contra os chilenos Fuster e Grimalt terminou com parciais de 21/14 e 21/18. Neste sábado, é vez de encarar o Uruguai em dose dupla, a primeira dupla será Cairus/Carbo e a segunda Zanotta/Williman.

"A dupla do Chile tem um técnico brasileiro e vem crescendo cada dia mais. E contra o Brasil eles entram muito soltos. A obrigação é toda nossa de ganhar. O Evandro é um garoto muito novo, uma promessa e nunca disputou esse tipo de competição. Eu procuro ajudá-lo a esquecer os erros e ficar mais feliz no jogo", afirmou Harley.

Vitor Felipe e Moisés formaram a dupla de última hora, mas apesar da falta de entrosamento, os dois venceram a difícil partida contra equatorianos Bardales e Lecaro, por 2 sets a 0, com parciais de 21/17 e 23/21. Neste sábado, é a vez de encarar Garcia e Orbe, do Peru.

As duas melhores duplas de cada chave avançam às quartas-de-final do torneio, que estão marcadas para o próximo domingo.

Leia tudo sobre: volei de praiasul-americano de praiaequador

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG