"Fizemos grandes jogos, demos espetáculos e, ao mesmo tempo, cometemos muitos erros em outros", disse Lucão

selo

Após garantir a classificação para os Jogos Olímpicos , os jogadores da seleção brasileira masculina de vôle i admitiram a falta de regularidade da equipe durante a Copa do Mundo, encerrada neste domingo, no Japão. O Brasil ficou com a terceira colocação geral e garantiu a última das três vagas olímpicas distribuídas pelo torneio. 

"Não fomos regulares. Fizemos grandes jogos, demos espetáculos e, ao mesmo tempo, cometemos muitos erros em outros. Temos que ter isso como foco a partir de agora, trabalhar porque sabemos que temos que melhorar para chegarmos melhor nos Jogos Olímpicos", avaliou o central Lucas. 

Destaque nos últimos dois jogos na Copa do Mundo, o levantador Bruno reconheceu que a equipe compensou os erros com a "garra" nas partidas decisivas. "Tivemos que controlar a pressão e a ansiedade de ter que enfrentar Irã, Polônia e Japão sem poder errar. Foram três jogos com a corda no pescoço, mas garantimos a vaga olímpica e isso é o mais importante. O Brasil vai estar em Londres e, mais uma vez, mostramos que o grupo tem muita garra e superação", afirmou. 

A vaga em Londres foi resultado da vitória sobre o Japão por 3 sets a 0 , na manhã deste domingo. O Brasil chegou a ter dificuldade no segundo set, mas não teve o triunfo ameaçado pelos anfitriões.

Seleção posa para fotos com a medalha de bronze na Copa do Mundo
Divulgação/FIVB
Seleção posa para fotos com a medalha de bronze na Copa do Mundo

"Os japoneses têm uma bola muito rápida, mas estudamos bem o time deles e conseguimos a vitória. É claro que gostaríamos de sair daqui com o título, mas já que não deu, a classificação foi muito importante. Era um objetivo e conseguimos alcançá-lo", comentou o central Sidão, maior pontuador da partida, ao lado do japonês Shimizu, com 15 acertos. 

O técnico Bernardinho também ficou satisfeito com o desempenho brasileiro na rodada final. "O mais importante é que vencemos e nos classificamos para a Olimpíada. O jogo de hoje foi muito bom. O Japão jogou bem e mostrou espírito lutador", disse o treinador.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.