Tamanho do texto

Torneio será realizado entre 19 e 25 de setembro, no Brasil, e campeão estará classificado para a Copa do Mundo

Reunida desde a última segunda-feira, a seleção brasileira masculina de vôlei está em ritmo forte de treinamento em Saquarema (RJ). Com o grupo completo, formado pelos 15 convocados, o técnico Bernardinho aproveita os treinos para reforçar o trabalho e preparar a equipe para o segundo semestre, recheado de competições.

"Essa primeira semana foi muito boa. Conseguimos fazer um trabalho físico forte com os jogadores e foi muito bom como um reinício", afirmou Bernardinho, que agora prepara seus comandados para o Sul-americano, que será realizado entre 19 e 25 de setembro, no Brasil.

Antes de qualquer competição, a seleção brasileira, vice-campeã da Liga Mundial 2011, fará dois amistosos com o Japão e a Alemanha, nos dias 27 e 28 de agosto, no ginásio do Maracanãzinho, no Rio de Janeiro. O técnico Bernardinho pretende aproveitar as partidas para testar todo o elenco.

"São testes válidos para que todos possam jogar. Nos amistosos, daremos essa oportunidade e, assim, poderemos chegar com bom ritmo ao Sul-americano", explicou o técnico, que espera competitividade no campeonato continental. "Enfrentaremos equipes fortes, principalmente a Argentina, que cresceu muito na última década e é um adversário difícil".O ponteiro Murilo concorda com o comandante do Brasil e destaca a importância de amistosos antes de competições oficiais. "Enfrentar o Japão e a Alemanha vai ser muito importante para o Bernardo testar opções, já que, neste ano, só tivemos a Liga Mundial e durante o campeonato não há tempo para isso", disse.

Campeão sul-americano com o Sesi-SP no último final de semana, Murilo chama a atenção para o amistoso contra a Alemanha, equipe que vem surpreendendo ultimamente.

"A Alemanha é uma equipe forte. Tivemos alguns tropeços contra eles antes de competições importantes e é um time que vem crescendo muito na Europa. Além disso, eles também vão vir com intenção de ganhar ritmo e, por isso, temos que estar atentos".

Os finalistas do Sul-americano estarão automaticamente classificados para a Copa do Mundo, de 20 de novembro a 4 de dezembro, no Japão. A competição mundial, por sua vez, será classificatória para os Jogos Olímpicos de Londres-2012.

"Estar entre os três na Copa do Mundo é dificílimo. São pelo menos sete seleções, sendo quatro das Américas e duas ou três da Europa, fora uma ou outra que pode chegar também, que vão brigar por essas três vagas", finalizou Bernardinho.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.