Seleção feminina já teve, durante a década de 80, uma das maiores rivalidades do esporte com as peruanas

Após conquistar a Copa Pan-americana, a seleção brasileira feminina de vôlei estreará, nesta quinta-feira, na Copa Internacional. E o primeiro adversário será o Peru, ferrenho rival nos anos 80. O confronto será no ginásio Nilson Nelson, em Brasília, a partir das 18h30 (de Brasília).

Brasileiras e peruanas travaram, na década de 80, uma das maiores rivalidades do esporte. À época, eram as andinas - que tinham Rosa Garcia, Natália Málaga e Gabi Perez - que davam as cartas. Prova disso foi a campanha nas Olimpíadas de Seul 1988, quando ficaram com a prata.

Atualmente são as verde-amarelas, campeãs olímpicas, que dominam a modalidade e, por isso, iniciam o torneio como favoritas. Mas isso não apetece o treinador José Roberto Guimarães, que faz questão de pregar cautela.

"O Peru está se preparando para receber o Sul-Americano adulto, que poderá classificar até duas equipes para a competição mais importante do ano, a Copa do Mundo. Esse torneio fornecerá três vagas para os Jogos Olímpicos de Londres, em 2012. Portanto, elas vão chegar bem preparadas. Além de ser uma equipe de muita tradição no vôlei", salientou.

Antes da equipe nacional, entrarão em quadra Japão e Itália, as outras seleções que participam do quadrangular amistoso. O duelo está marcado para as 16h.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.