Publicidade
Publicidade - Super banner
Vôlei
enhanced by Google
 

Brasil descarta líbero Alan, lesionado, da Liga Mundial

Jogador do Londrina/Sercomtel não poderá defender seleção por causa de uma lesão no seu punho direito

AE |

selo

O líbero Alan teve a sua ausência na Liga Mundial de 2011 confirmada nesta quarta-feira pela Confederação Brasileira de Vôlei (CBV). Incluído na lista de 25 jogadores pré-inscritos pelo técnico Bernardinho para a disputa da competição, o jogador do Londrina/Sercomtel não poderá defender o Brasil por causa de uma lesão no seu punho direito.

"Machuquei o punho durante o Campeonato Mundial do ano passado e joguei a Superliga sentindo dores. Quando cheguei à seleção, foi constatada uma fratura no punho. Fiquei muito chateado quando soube", afirmou Alan, que irá realizar no Aryzão, o Centro de Desenvolvimento do Voleibol, em Saquarema (RJ), a sua recuperação.

"Nos próximos dois meses trabalharei a parte física e realizarei trabalhos com a mão esquerda, para prejudicar o aspecto técnico o mínimo possível. Estou triste por não poder aproveitar esta oportunidade de estar novamente na seleção como gostaria, mas as lesões fazem parte da vida de um atleta e tudo que eu posso fazer é me dedicar para voltar o mais rápido possível", acrescentou o jogador.

Além de adiantar o corte de Alan do grupo que terá 20 jogadores definitivamente inscritos até o fim de maio, a CBV anunciou nesta quarta-feira que a seleção contará com a chegada de mais cinco atletas a partir da próxima segunda em Saquarema, onde o Brasil fará sua preparação no País para a Liga Mundial. São eles: o levantador Marlon, do Vivo/Minas, o ponteiro João Paulo Bravo, do Arkas, da Turquia, o líbero Mario Junior, o central Lucas e o oposto Leandro Vissotto, todos do Vôlei Futuro.

Já para o próximo dia 8 de maio está prevista a chegada do oposto Theo, do Suntory Sunbirds, do Japão, do líbero Sergio Escadinha, do central Sidão, do oposto Wallace e dos ponteiros Thiago Alves e Murilo, estes últimos campeões da Superliga 2010/2011 pelo Sesi.

Com a ausência de Alan da Liga Mundial, cresce a chance de Escadinha disputar a Liga Mundial pelo Brasil. O jogador, que ficou fora da última temporada do Brasil por causa de lesões e cirurgias nas costas, chegou a anunciar sua aposentadoria da seleção, mas foi convencido por Bernardinho a voltar a defender o País.

O Brasil lutará pelo seu décimo título da Liga Mundial e estreará nesta edição da competição no dia 27 de maio, contra Porto Rico, em San Juan. A equipe de Bernardinho integra o Grupo A, que também conta com Polônia e Estados Unidos.

Leia tudo sobre: brasil voleiliga mundialalanlesãocortecbvlíbero

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG