Tamanho do texto

Mesmo com a campanha irregular do Brasil na Copa do Mundo de vôlei, técnico da seleção ainda crê na conquista da vaga para Londres

Divulgação/FIVB
Bernardinho acredita em classificação para Londres com mais três vitórias na Copa do Mundo
A seleção brasileira masculina já desembarcou em Tóquio, no Japão, nesta quarta, para a disputa da última fase da Copa do Mundo de vôlei. A equipe terá sua primeira folga desde que iniciou a competição, porém, nesta quinta, recomeçam os treinos antes do jogo de sexta-feira, contra o Irã.

Leia mais: Seleção brasileira lamenta erros após nova derrota na Copa do Mundo

O Brasil se complicou no torneio depois de acumular três derrotas e, para o técnico Bernardinho, não pode haver mais deslizes. "Nos restam três partidas e, nessa última fase, temos que buscar três vitórias. Teremos um dia de descanso e um dia de trabalho para recarregarmos as baterias para que o grupo se fortaleça para a última fase", declarou o treinador.

Confira ainda: Brasil perde a terceira e se complica na Copa do Mundo

O objetivo da seleção é vencer os jogos que restam para tentar se ficar entre os três primeiros e garantir a classificação para as Olimpíadas de Londres, no próximo ano. O Brasil está em quarto colocado na tabela, com 16 pontos, atrás de Polônia, Rússia e Itália, apenas um ponto à frente dos brasileiros.

Bernardinho ainda ressaltou a importância de dia de descanso para seus atletas. "Sabendo controlar um pouco a questão da ansiedade e trabalhando como grupo, temos condições de tentar e conseguir essa vaga para as Olimpíadas. Um dia de folga é o suficiente para que eles descansem um pouco e para solidificarmos algumas coisas, para que possamos unir as forças e, de uma forma bastante coesa, partirmos para essa fase em busca das vitórias", comentou.

A  partida contra a seleção iraniana será na próxima sexta-feira, às 0h, no ginásio Yoyogi National, em Tóquio.