Técnico do Brasil admitiu que a Liga Mundial serve como preparação para as Olimpíadas de Londres

Bernardinho destacou o período de testes do Brasil na preparação para Londres
Divugação
Bernardinho destacou o período de testes do Brasil na preparação para Londres

A seleção brasileira masculina de vôlei disputa durante este final de semana a etapa brasileira da Liga Mundial, na cidade de São Bernardo do Campo, região metropolitana de São Paulo. Após sete partidas, o técnico Bernardinho ainda não conseguiu dar uma cara definitiva à equipe e assume que, devido à falta de tempo, a competição acaba servindo como teste para a definição do grupo que vai às Olimpíadas.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores 

"Nós temos que conseguir fazer pontos pra chegar às finais, mas se eu não der oportunidades e não fizer testes, não tenho como testar aquilo que pode ser a nossa necessidade num momento mais importante", declarou Bernardinho.

Leia mais: Ricardinho admite 'emoção' ao defender seleção em casa

Dos 16 jogadores que fazem parte do atual elenco, apenas 12 serão convocados para ir a Londres no meio do ano. Embora o grupo só deva ser definido após a final da Liga Mundial, que acontece entre os dias 4 e 8 de julho, em Sófia, na Bulgária, o treinador já observa os seus comandados com o pensamento no Ouro Olímpico.

Confira ainda: Murilo destaca erros pessoais e da seleção no primeiro set

"Temos mexido o tempo todo, por necessidade, por contusão ou pela necessidade de testes, porque eu tenho que escolher 12 apenas para daqui a 50 dias estrear, então eles precisam ter oportunidades", disse.Alguns testes que Bernardinho está fazendo acontecem com o ponta Murilo, que, recuperado de uma lesão no ombro direito, retornou à seleção no último final de semana, na etapa da Polônia e, embora não sinta mais dores, caiu de rendimento na partida dessa sexta-feira. 

Bernardinho rasga camisa de tensão durante partida do Brasil
FIVB/Divulgação
Bernardinho rasga camisa de tensão durante partida do Brasil



Na mesma posição, Giba já voltou aos treinamentos com o time brasileiro, mas só deve retornar em definitivo na etapa da Finlândia da Liga Mundial. Mesma situação do oposto Leandro Vissoto, que também estará no grupo que vai a Tampere na próxima semana.


E mais:  Com show no terceiro set, Brasil vence Finlândia na Liga Mundial

Outro jogador que busca entrosamento é o levantador Ricardinho, que voltou a ser convocado pelo treinador brasileiro após quase cinco anos afastado da seleção. Ainda buscando entrar no ritmo dos companheiros, Ricardo já apresentou um bom entrosamento com o oposto Wallace, principal pontuador brasileiro nesta sexta-feira.

Ainda pela etapa do Brasil da Liga Mundial, em São Bernardo do Campo, região metropolitana de São Paulo, a seleção enfrenta neste sábado, às 9h50 (de Brasília), o Canadá, e no domingo, no mesmo horário, tenta a primeira vitória sobre a Polônia nesta temporada.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.