iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Vôlei

08/07 - 16:24

Brasil vence Bulgária e garante vaga na fase final da Liga Mundial

Seleção encara os búlgaros mais uma vez nesta sexta e, mesmo se perder, fica com a primeira colocação do grupo

Gazeta Esportiva

A seleção masculina de vôlei venceu a Bulgária por 3 sets a 1 e assegurou a vaga para a final da Liga Mundial 2010. O confronto desta quinta-feira, fora de casa, era contra o adversário direto na disputa por um lugar na etapa desisiva. Porém, o que poderia significar dificuldades e tensão se transformou em um excelente desempenho.

As parciais foram de 25/22, 25/23, 23/25 e 26/24. Com o resultado, o time comandado pelo técnico Bernardinho chega aos 28 pontos no grupo A e, na pior das hipóteses, pode terminar a chave empatado com os búlgaros - ainda assim, porém, a equipe verde-amarela se classificaria por possuir uma vitória a mais que os rivais.

O dia foi de Leandro Vissotto. Criticado por suas atuações abaixo do esperado nas primeiras partidas da competição, o oposto do Trentino foi o maior pontuador do jogo, com 28 acertos. Ele ainda foi a maior arma da equipe no bloqueio, fundamento no qual marcou seis dos 12 pontos feitos pelo Brasil, inclusive o último.

Divulgação
Seleção brasileira venceu a Bulgária por 3 sets a 1 na casa do adversário

Apesar da pressão da torcida adversária, que esgotou os ingressos um mês antes da partida, os campeões olímpicos mostraram muita tranqüilidade nos momentos decisivos. Os jogadores verde-amarelos também não perderam a cabeça com os erros de arbitragem, que inclusive os beneficiaram no terceiro set, quando um ace não foi assinalado para a Bulgária, evitando um perigoso 14 a 10 no placar.

Os donos da casa então sentiram a pressão e deixaram o Brasil chegar. Entretanto, a equipe não soube aproveitar a oportunidade e desperdiçou a chance da virada, perdendo a etapa por 25 a 23 após salvar um set point. Na volta, os jogadores brasileiros estava abatidos e permitiram aos rivais abrir 6 a 2 no placar.

Foi então que mais uma vez Bernardinho foi decisivo. O técnico parou o jogo e deu uma injeção de ânimo nos atletas, que fizeram quatro pontos seguidos e empataram a parcial. As duas seleções então passaram a trocar pontos até que Vissotto conseguiu um bloqueio no momento decisivo e fechou a partida em 3 sets a 1.

Brasil e Bulgária voltam a se enfrentar nesta sexta-feira, novamente em Varna, ao meio-dia (horário de Brasília). Para os europeus, uma vitória é importante na tentativa de se ficar com a vaga destinada ao melhor segundo colocado dos quatro grupos da fase inicial da Liga.

Preocupa, no entanto, a situação do levantador Bruno, que pediu para ser substituído no meio do quarto set alegando contusão. Capitão da equipe, o ponteiro Giba também foi poupado, apesar de a Confederação Brasileira de Vôlei (CBV) ter garantido que o jogador está 100% recuperado de uma contratura nas costas que o tirou das últimas duas partidas.

A decisão do título da Liga Mundial acontecerá entre 21 e 25 de julho, na cidade argentina de Córdoba. A seleção da casa e o Brasil já estão garantidos, enquanto Itália, Rússia e Cuba estão muito próximos da vaga.


Leia mais sobre: vôlei Liga Mundial seleção brasileira Leandro Vissotto

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Divulgação

us volei brasil bloqueio

Bloqueio brasileiro
Seleção marcou 12 pontos neste fundamento contra a Bulgária na partida desta sexta-feira

Topo
Contador de notícias