iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Vôlei

19/11 - 17:50

'Houve banalização da vitória', diz Bernardinho

Inédito ciclo vitorioso do Brasil gerou uma expectativa acima do normal para o treinador da seleção

Agência Estado

SÃO PAULO - Nos últimos sete anos, a seleção brasileira masculina de vôlei conquistou duas medalhas olímpicas (ouro em Atenas/2004 e prata em Pequim/2008), seis Ligas Mundiais, dois Mundiais, duas Copas do Mundo e os Jogos Pan-Americanos do Rio de Janeiro em 2007. De acordo com o técnico Bernardinho, este ciclo vitorioso do Brasil gerou uma expectativa acima do normal, já que nunca a hegemonia de uma seleção havia durado tanto tempo.

"Houve uma certa banalização da vitória e não é assim, mas até os segundos colocados se alternavam e o Brasil continuava ganhando", declarou, durante participação em seminário sobre esporte, na capital paulista.

Agora, após a derrota para os Estados Unidos na decisão em Pequim, o time brasileiro passará por um momento de renovação. Para Bernardinho, é necessário ter paciência durante este processo. "Toda renovação requer um tempo para maturação, mas não sei até que ponto o público e a imprensa vão entender que isso, vamos ver", afirmou.

Desde já, o treinador da seleção brasileira procura deixar claro que o ciclo anterior não será repetido. "A gente pode sim ser competitivo, mas não dá para manter como antes, é impossível. Surpresa seria continuar ganhando daquele jeito", destacou.

Além disso, segundo Bernardinho, as outras seleções estão cada vez mais forte e irão encarar o Brasil de igual para igual. "Elas cresceram e algumas têm grandes possibilidades de se tornarem líderes do ranking mundial", afirmou.


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo