iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Vôlei

29/09 - 14:23

Diante do Rexona, Osasco tenta manter invencibilidade no torneio

Osasco, Rexona e Pinheiros/Mackenzie, além de três times convidados do exterior formam a Salonpas Cup

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - Depois de vencer o Mirador, da República Dominicana, e o Kinder Voleibol, de Portugal, ambos por 3 a 0, o Finasa/Osasco faz nesta terça-feira, a partir das 20 horas, seu terceiro jogo nas oitava edição do Salonpas Cup, que está sendo realizado no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo. Embalado pelos resultados, o time orientado pelo técnico Luizomar de Moura enfrenta o Rexona/Ades, time que derrotou os paulistas na final das três últimas Superligas.

Ex-jogadora do Rexona, Sassá garante que o fato de o Osasco ser a única equipe invicta com duas partidas realizadas no torneio não deve desconcentrar as atletas. “Pelo que temos acompanhado, o campeonato está muito equilibrado e nenhuma equipe mostrou ainda favoritismo”, comentou a atleta. “Acho que será assim até ao término da competição. Por isso, vamos manter o foco para tentar passar pelo Rexona no próximo confronto”, emendou.

Outro ex-jogadora do rival, a meio-de-rede Thaísa também destaca a concentração como um dos caminhos da vitória. “Vencemos duas partidas importantes, das quais esperávamos mais resistência por parte dos adversários”, admitiu a carioca, de 1,96m e 21 anos. “Sabemos que agora teremos adversários mais fortes como o Rexona. A exigência desse compromisso, porém, vai deixar todo o grupo mais concentrado para jogar”, explicou.

Luizomar prevê um confronto significativo para o torneio nesta terça. “Esse é um jogo que tem sido o grande clássico do vôlei brasileiro, que irá reunir as duas equipes que estão bastante diferentes em relação à temporada passada”, analisou o treinador. “Será uma partida aguardada por todos. Com isso, esperamos atuar da mesma forma quando conquistamos a Copa Brasil, em Curitiba”, destacou.

A principal competição internacional interclubes do país reúne as três equipes mais bem colocadas na última Superliga (Osasco, Rexona e Pinheiros/Mackenzie), além de três times convidados do exterior (Scavolini/Pesaro, da Itália, Kinder Voleibol, de Portugal, e Mirador, da República Dominicana).

O sistema de disputa é de todos contra todos dentro de um único grupo. Os quatro times mais bem colocados fazem as semifinais, no sábado jogando 1º x 4º e 2º x 3º. Os vencedores decidirão o título domingo, a partir das 10 horas (horário de Brasília), enquanto os perdedores disputam o terceiro lugar na preliminar, às 7 horas.


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo