iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Vôlei

27/09 - 09:19

Na semi, Venezuela já garante desempenho histórico na Copa América

Venezuelanos enfrentam Cuba valendo vaga na decisão em Cuiabá, que ainda terá Brasil ou Argentina

Gazeta Esportiva

CUIABÁ - Com a conquista da quarta e última vaga para as semifinais da Copa América de vôlei, a seleção masculina da Venezuela assegurou um resultado histórico para o país. Na noite de sexta-feira, os venezuelanos bateram o México por 3 sets a 0, parciais de 25/20, 25/17 e 25/20, em Cuiabá (MT).

Neste sábado, eles enfrentam Cuba, a partir das 16 horas (de Brasília) valendo vaga na decisão. Às 19 horas, com transmissão Sportv, o Brasil enfrenta a Argentina na outra semifinal.

“A concentração será fundamental. Cuba tem uma equipe forte, com bom saque. Esperamos conseguir a vitória”, afirmou Luiz Diaz, que marcou 20 pontos contra o México. Em 2001, Diaz atuou no Brasil, defendendo a equipe de Suzano.

Para ele, o confronto deste sábado será bastante perigoso. “Quando joguei no Brasil, tinha 19 anos e foi a primeira experiência fora do meu país. Foi a chance de crescer como jogador, especialmente, jogando em um campeonato muito bem organizado como a Superliga”, ressaltou Diaz, que atualmente joga na Itália.

Carlos Tejeda, da Venezuela, foi o maior pontuador do jogo, com 19 pontos, sendo 16 de ataque e três de bloqueio. Pela seleção do México, que está participando da Copa América pela primeira vez, Leonardo Manzo marcou 15 pontos.


Leia mais sobre: Venezuela Copa América de vôlei



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo