iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Vôlei

09/09 - 15:39

Campeã olímpica, Valeskinha fecha com o voleibol turco

Meio de rede acertou com o Karsiyaka, quinto colocado no campeonato turco e pode se despedir da seleção

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - Medalha de ouro nas Olimpíadas de Pequim junto com a seleção brasileira feminina de vôlei, Valeskinha Menezes irá jogar no voleibol turco na próxima temporada, mais precisamente no Karsiyaka, quinto colocado no Nacional local. Antes de se juntar ao time nacional, a atleta atuou pelo Novara, quarto colocado do Campeonato Italiano.

Filha de Aída dos Santos, quarta colocada no salto em altura dos Jogos Olímpicos de Tóquio-1964, Valeskinha já jogou um total de dez finais de Superliga, atuando por diversos clubes. Antes do embarque para a China, a atleta já havia adiantado para a Gazeta Esportiva.Net que não seguiria a onda de atletas brasileiros voltando a jogar no país.

Apesar de reconhecer que a sua trajetória equipe nacional pode ter acabado em Pequim, Valeskinha é uma das jogadoras que mais versáteis do país, podendo jogar tanto como meio-de-rede quanto na função de ponteira. Dona da confiança do técnico José Roberto Guimarães, ela já foi capitã do time verde-amarelo e foi convocada para os Jogos chineses mesmo sem ser um dos destaques da seleção. Porém, quase não jogou na disputa.

Das 12 campeãs olímpicas, apenas três não estarão na próxima Superliga: Valeskinha, Jaqueline (Pesaro-Itália) e Walewska (Zarechie Odintsovo-Rússia). O time com mais atletas 'douradas' na próxima temporada será o Finasa/Osasco, com quatro: Paula Pequeno, Carol Albuquerque, Sassá e Thaísa. Depois, aparece o São Caetano/Blausiegel, com três: Fofão, Sheilla e Mari. Atual tricampeão do país, o Rexona/Ades terá Fabi e Fabiana.  


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
[x] fechar