iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Vôlei

23/07 - 12:41

Bernardinho pede criatividade “com cautela”

Técnico não quer que o time arrisque tantas jogadas ousadas em outras oportunidades

Gazeta Esportiva

RIO DE JANEIRO - Os torcedores que compareceram ao ginásio do Maracanãzinho nesta quarta-feira puderam acompanhar uma nova jogada da seleção brasileira masculina de vôlei. No segundo set, o líbero Escadinha levantou uma bela bola para Dante no meio-fundo de quadra, surpreendendo a defesa russa.

Técnico da seleção brasileira masculina de vôlei, Bernardinho destacou a jogada na coletiva após a partida. “Hoje teve uma jogada para o André Nascimento que tinha aparecido pouquíssimas vezes, mas acho que essa ninguém tinha visto ainda”, brincou o treinador.

De acordo com ele, tais jogadas têm pouca origem na própria comissão técnica. “Isso vem dos próprios jogadores. No caso desse levantamento do Serginho, começou com o Giba e depois o Dante fez também”, explicou Bernardinho.

Ele, porém, deixou claro que, apesar de gostar das inovações, não quer que o time se arrisque tanto às vésperas da final da Liga Mundial e das Olimpíadas de Pequim. “É aquela coisa da criatividade e da ousadia do brasileiro, mas tem que ser controlado”, avisou.

Bernardinho ainda falou sobre o levantador Marcelinho, que completa um ano como titular do time depois do polêmico corte do ex-capitão Ricardinho pouco antes da estréia nos Jogos Pan-americanos.

“Trata-se de um jogador experiente, que foi para os Jogos Olímpicos de 2000 com o Radamés Lattari. Ele não tem a velocidade e a ousadinha do Ricardo, mas se aproveitou muito deste período. Apesar de ser mais linear, o Marcelo tem dado a sua cara ao time”, comentou.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo