iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Vôlei

11/07 - 09:10

José Roberto destaca capacidade de decisão do Brasil
Na madrugada de quinta para sexta-feira, o grupo verde e amarelo bateu as chinesas, atuais campeãs olímpicas, pela segunda vez no Grand Prix

Gazeta Esportiva

YOKOHAMA (Japão) - Apesar de ressaltar que a seleção brasileira de vôlei feminino pode jogar ainda melhor, José Roberto Guimarães se mostrou satisfeito após ver suas comandadas conseguirem a terceira vitória em três jogos na fase final do Grand Prix. Depois do triunfo sobre a China, o treinador elogiou a capacidade de decisão da equipe e agora já passa a pensar em Cuba, com quem o Brasil faz uma “final antecipada” da competição nesta sexta-feira.

Na madrugada de quinta para sexta-feira, o grupo verde e amarelo bateu as chinesas, atuais campeãs olímpicas, pela segunda vez no evento disputado no Oriente. Em partida realizada em Yokohama, no Japão, as canarinhas cederam sua primeira parcial no hexagonal, mas isso não evitou que fosse consumada uma vitória com parciais de 25/18, 25/16, 21/25 e 25/18.

“Novamente fiquei feliz com nossa atuação”, avalizou José Roberto. “Estou satisfeito porque as jogadores ganharam pontos nos momentos importantes. Até o segundo set elas estiveram muito bem, e no terceiro a China melhorou muito a defesa e nos impediu de vencer pontos com o saque. Visando às Olimpíadas, acho que ambos os times podem jogar melhor”.

Comemorando o 100% de aproveitamento que a seleção brasileira ostenta na fase final do Grand Prix, o técnico começa a pensar agora na próxima adversária de seu time, Cuba, que também segue invicta, em partida marcada para as 23h desta sexta (horário de Brasília). “É um grande desafio. Vamos encontrar um time motivado por uma seqüência de vitórias, inclusive em outros torneios disputados. Para o Brasil é um teste extremamente importante”.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo