Será o décimo confronto entre as tenistas e a australiana leva vantagem: venceu sete duelos

Pelas oitavas de final do Aberto dos Estados Unidos, a russa Vera Zvonareva não teve dificuldades para vencer seu confronto contra a promissora jovem alemã Sabine Lisicki. Cabeça de chave número 2, ela venceu fácil por 6/2 e 6/3, e avança às quartas - onde enfrentará a australiana Samantha Stosur.

Zvonareva usou da inteligência para superar com propriedade a tenista alemã, a quem já venceu duas vezes neste ano - em Roland Garros e no WTA de Carlsbad. A vingança de Lisicki não deu certo, com a russa utilizando as bolas esticadas do fundo da quadra para superar as subidas à rede da alemã.

Já Stosur sofreu muito para passar pela russa Maria Kirilenko. Depois de um tranquilo primeiro set em 6/2, ela viu a reação da adversária e ainda vendeu caro a segunda parcial, no tie break mais longo da história dos Grand Slams no naipe feminino, em 17-15 para Kirilenko. No terceiro set, por sua vez, Stosur voltou a confirmar o favoritismo e vencer por 6/3, fazendo 2 sets a 1.

Este será o décimo confronto entre Zvonareva e Stosur e, o curioso, é que a vantagem é da tenista australiana, com ranking mais baixo na WTA (sua posição mais alta foi a quarta colocação, contra o segundo lugar da russa). O placar é de sete vitórias para a número dez do ranking, e duas para a segunda melhor do mundo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.